Menu
Busca quarta, 25 de novembro de 2020

Paciente com problema pulmonar recebe oxigênio com atuação da Defensoria Pública

19 janeiro 2012 - 20h47Por Assessoria
A Defensoria Pública do Estado de Mato Grosso do Sul obteve decisão favorável para que o assistido Igor de Arruda Paiva dos Santos, de 23 anos, receba oxigênio domiciliar.

Na Ação de Obrigação de Fazer com pedido de tutela antecipada o defensor público responsável pelo caso, Luciano Montalli, relatou o delicado estado de saúde do paciente, que foi diagnosticado com fibrose pulmonar. “Ele não consegue mais realizar suas atividades, nem mesmo andar”, afirmou.

A mãe do rapaz, Valdeci de Arruda Paiva, de 43 anos, foi quem procurou a Defensoria Pública, após ser orientada pela médica e ter o pedido negado junto a Secretaria Municipal de Saúde (Sesau). “A consulta dele foi em 11 de janeiro, no dia seguinte já estava na Defensoria e se não tivesse essa intervenção não teríamos conseguido”, afirmou.

A decisão favorável ao pedido saiu na sexta-feira (13), mas somente cinco dias depois o cilindro foi entregue ao paciente, que já voltou a dar alguns passos.

“Desde quarta-feira (18) a tarde quando o oxigênio chegou ele já conseguiu andar devagar. Acreditamos que com o tratamento não será necessário realizar transplante”, finalizou a mãe do assistido.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Pessoas que contraíram covid-19 podem doar sangue após 30 dias
POLÍCIA
Três pessoas são presas na Capital em posse de camionete furtada em Camapuã
ECONOMIA
Caixa planeja abrir banco digital em seis meses
REGIÃO
Polícia Militar Ambiental de Bonito autua arrendatário de fazenda em R$ 124 mil