Menu
Busca quarta, 02 de dezembro de 2020

Polícia investiga se mulher que morreu queimada ateou fogo ao próprio corpo

Polícia investiga se mulher que morreu queimada ateou fogo ao próprio corpo

06 janeiro 2012 - 16h30
CGNews

A Polícia Civil investiga se Dolores de Souza Pinati, de 62 anos, que morreu vítima de queimaduras na última segunda-feira (2), em Campo Grande, ateou fogo ao próprio corpo. De acordo com o delgado responsável pelo caso, as investigações apontam para essa hipótese.

“Nos depoimentos que já ouvimos ninguém fala ter visto a mulher acompanhada de dois rapazes”, afirmou Natanael Costa Balduíno, delegado titular do 7º Distrito Policial.

A idosa foi encontrada em um matagal na rua José Barbosa Rodrigues, no Jardim Aeroporto. Ela teve 90% do corpo queimado, chegou ser socorrida para a Santa Casa, mas não resistiu aos ferimentos e morreu horas depois. Quando foi socorrida, a vítima chegou a dizer aos bombeiros que dois homens haviam ateado fogo no corpo dela.

No dia do incidente, a reportagem do Campo Grande News conversou com alguns vizinhos da idosa. Eles relataram que Dolores sofria de depressão e suspeitavam que, em decorrência da doença, ela possa ter provocado o incêndio.

O delegado disse que vai ouvir na semana que vem os policiais e bombeiros que atenderam a ocorrência. “Estamos apurando todas as informações, mas não tem indicio de que foi um homicídio”, disse.

Deixe seu Comentário

Leia Também

COTAÇÃO
Dólar fecha em alta nesta quarta após forte queda na terça
SAÚDE
Anvisa define requisitos para pedido de uso emergencial de vacina da Covid-19
Um dos critérios é que a vacina precisa estar em estudos clínicos de fase 3 - última etapa de testes - no Brasil
MAIS UMA CONDENAÇÃO
Chefe do tráfico na fronteira, Galã é condenado a 8 anos de prisão por lavagem de dinheiro em MS
ECONOMIA
Venda de veículos automotores aumenta 0,45% de outubro para novembro