Menu
Busca sábado, 19 de setembro de 2020

Partido deve contar com 12 candidatos a prefeito ano que vem, entre eles, Ludimar Novais de Ponta Porã, Roberson Moureira, que busca reeleição em Ribas do Rio Pardo, e do vereador Athayde Nery em Campo Grande

Partido deve contar com 12 candidatos a prefeito ano que vem, entre eles, Ludimar Novais de Ponta Porã, Roberson Moureira, que busca reeleição em Ribas do Rio Pardo, e do vereador Athayde Nery em Campo Grande

23 novembro 2011 - 14h55
Divulgação (TP)

PPS promove neste sábado, a partir das 8 horas, na Assembleia Legislativa, o 17º Congresso Estadual do Partido, que contará com a presença de Roberto Freire, presidente nacional da legenda. Ele desembarca nesta sexta na Capital.

A abertura dos debates começa por volta das 9 horas. O prefeito de Campo Grande, Nelsinho Trad (PMDB), deve participar do evento, assim como é esperada a presença do governador André Puccinelli (PMDB).

“Todos os partidos que fazem parte do nosso arco de alianças estarão presentes”, diz o presidente estadual do PPS, vereador Athayde Nery.

O nome do Vereador Ludimar Novais (PPS) é apontado como um dos mais fortes para ocupar a prefeitura de Ponta Porã, e já tem o apoio concreto de todo o partido no estado, e se fará presente no congresso acompanhado dos 11 delegados do PPS e de membros do diretório executivo de Ponta Porã.

O congresso terá com tema a nova esquerda democrática para mudar o Brasil. Além disto, serão definidas as composições do diretório estadual e dos diretórios municipais.

Segundo Athayde, o partido terá pelo menos doze candidatos a prefeito no ano que vem.

Além dele como candidato à prefeitura em Campo Grande, a sigla conta com Roberson Moureira, que busca a reeleição em Ribas do Rio Pardo (PPS), Ludimar Novais (PPS) em Ponta Porã e terá nomes também em Água Clara, Amambai, Aparecida do Taboado, Corumbá, Ponta Porã, Três Lagoas, Aquidauana, Miranda, Aral Moreira e Tacuru.
Único prefeito do PPS no Estado, Roberson comenta que a expectativa é que o evento fortaleça o partido em Mato Grosso do Sul para as eleições do ano que vem.

“Embora a prefeitura de Ribas do Rio Pardo seja a única gerida pelo PPS em MS temos outros nomes com condições de vencer o pleito em outras cidades em 2012”, pontua o prefeito, que diz contar com 11 partidos no arco de aliança para a disputa e visualiza obter o apoio de mais três partidos. “Vamos mostrar nossa estratégia”, complementou.

O congresso em Campo Grande antecipa a edição nacional do evento, que ocorre entre os dias 9 e 11 de dezembro em São Paulo (SP).

Devem participar do encontro amanhã, com encerramento previsto para as 14 horas, mais de 200 delegados representantes de 55 municípios do Estado.

Deixe seu Comentário

Leia Também

REGIÃO
Jovem tenta entregar droga para interno em hospital e é presa
OPORTUNIDADE
Inscrições para 1520 vagas em cursos técnicos começam na segunda-feira
MAUS TRATOS
Idosa de 71 anos mantinha cachorros amarrados, doentes e com pouco alimento
INTERNET
Homem persegue a ex pela internet, faz live sobre ela e vai preso quando tentava se esconder em buraco