Menu
Busca sexta, 25 de setembro de 2020

Safra 2011/2012 será mais positiva para MS, avalia Famasul

Safra 2011/2012 será mais positiva para MS, avalia Famasul

08 outubro 2011 - 07h30
Conjuntura Online


A estimativa de safra 2011/2012 divulgada pela Companhia de Abastecimento apresenta números conservadores em relação a produtividade da soja em Mato Grosso do Sul, de acordo com a avaliação da Federação de Agricultura e Pecuária do Estado. Para o assessor técnico da instituição, Lucas Galvan, a expectativa é de ultrapassar os dados divulgados. “Ainda é cedo para termos previsões mais pontuais porque o resultado vai depender, principalmente, de como se comportará o clima”, aponta. Mas se compararmos os resultados obtidos na safra passada, que sofreu com a perda de produtividade, deveremos ter uma produtividade próxima a 3.000 kg/he.

De acordo com a Conab, haverá um aumento de 5%da área plantada de soja, saindo de 1,760 milhão de hectares plantados para uma área entre 1,812 e 1,848 milhão. Em relação à produtividade do grão, o incremento será pequeno, de 2.927 para 2.950 quilos por hectare. Com a antecipação liberada para o plantio da soja (desde o dia 1°), espera-se um maior aproveitamento das condições climáticas. “Na safra passada, tivemos prejuízos devido as chuvas na época de colheita, o que comprometeu o resultado esperado”, relata. A Famasul acredita que, até o momento, 5% de área já esteja plantada no Estado.

Em relação ao milho, o levantamento aponta queda na produtividade. No ano passado, o grão rendeu 6,7 mil quilos por hectare e esse ano, a previsão é de que a produtividade fique em 6,5 mil. A produção terá queda entre 1,9% a 4%. Já a área plantada se manteve. A estimativa aponta entre 45,5 a 46,6 mil hectares, quando no ano passado ficou em 46 mil.

Deixe seu Comentário

Leia Também

JUSTIÇA
Celso de Mello antecipa aposentadoria do STF
CAARAPÓ
Policiais civis prendem jovem e comparsa suspeitos de tráfico de drogas
ECONOMIA
Febraban prevê que carteira de crédito deve subir 11,6% em agosto
CRIME AMBIENTAL
Polícia Militar Ambiental de Batayporã prende e autua quatro em R$ 8,4 mil por pesca predatória e apreende 139 kg de pescado, dois barcos, dois motores e petrechos