Menu
Busca quinta, 21 de junho de 2018
(67) 9.9973-5413
EMPREGO E RENDA

Sindicalistas de MS vão discutir os impactos da reforma trabalhista

03 outubro 2017 - 09h01Por Fonte: douradosnews
Com o apoio do Ministério Público do Trabalho (MPT) o movimento sindical de Mato Grosso do Sul encabeçado pelo Comitê Estadual Contra as Reformas (Previdenciária e trabalhista) está se preparando para amenizar os impactos da medida trabalhista que entra em vigor dia 11 de novembro em todo o País.

Sindicatos, federações e centrais sindicais, que integram o Comitê Estadual vão realizar o "I Seminário – Os impactos da Reforma Trabalhista nas Relações do Trabalho", dia 20 de outubro. Sindicalistas de todo Estado estão sendo convidados para participar desse evento que tratará de "estratégias" para manter os direitos dos trabalhadores.

Em recente reunião de sindicalistas que integram o Comitê, na sede do Ministério Público do Trabalho, o procurador Paulo Douglas Almeida de Moraes ressaltou a importância da união sindical em torno dessa questão.

Sugeriu inclusive que as entidades deixem de lado divergências políticas e se concentrem na somatória de forças para lutar em benefício dos trabalhadores a partir da entrada em vigor da reforma.

O "I Seminário - Os Impactos da Reforma Trabalhista nas Relações do Trabalho' será realizado dia 20 de outubro, das 08h às 17h, no auditório do Sinpol/MS (Sindicato dos Policiais Civis de MS), localizado na rua Teodoro Carvalho, 225 - José Abraão, Campo Grande.

Será entregue certificado no fim do evento. A taxa de inscrição é de R$ 50 por pessoa. Esse valor da taxa é para custear gastos de materiais e alimentação dos participantes. Informações 67 99160-3105 com Andréia.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ATENÇÃO
Saque das cotas do PIS/Pasep começa na próxima segunda-feira
COPA DO MUNDO
Messi perde pênalti, Argentina para na defesa da Islândia e só empata
GERAL
Brasil é país mais preocupado com notícias falsas, diz estudo global
CIDADES
Jovem tem BMW incendiada enquanto dormia