Menu
Busca domingo, 22 de julho de 2018
(67) 9.9973-5413
EM MATO GROSS DO SUL

Mortes por influenza sobem para 23 no Estado

Boletim epidemiológico foi divulgado pela Secretaria de Estado de Saúde

13 julho 2018 - 08h00Por Luiz Guilherme

A Secretaria de Estado de Saúde (SES) divulgou ontem (12), um novo boletim epidemiológico da influenza em todo o Mato Grosso do Sul. Em uma semana, o número de mortes por influenza passou de 20 para 23, já as notificações, tiveram um aumento de 40, passando de  645 para 685.

O município onde os casos são maioria, é Campo Grande, quando até o dia 2, eram sete óbitos e agora somam nove. Os tipos que mais tem feito vítima são o H1N1 e H3N3 (nove), seguido pela Influenza A não subtipado com três mortes nos munícipios de Costa Rica, Coxim e Três Lagoas. 

Já os óbitos causados pela influenza B, foram duas mortes, na capital. 

Além de Campo Grande, as cidades com vítimas da H1N1, são Alcinópolis, Chapadão do Sul, Costa Rica, Coxim, Nioaque e Fátima do Sul. H3N3 subiram para sete na Capital, uma em Aquidauana e Naviraí. 
Dourados não tem casos confirmados da doença até o momento, mas tem 13 notificações. 

A maior gravidade da infecção pelo vírus são as complicações como pneumonias, dificuldades respiratórias que podem levar à internação e até mesmo ao óbito.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

ANITTA
Medicina é chiclete da mistura do Brasil com tudo – até vermífugo
DESENTENDIMENTO
Homem de 45 anos é esfaqueado pelo genro
Vítima foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros de Nova Andradina e o autor fugiu
CAMPO
Tabelamento do frete emperra venda do milho em Mato Grosso do Sul
SAÚDE
Experiência em saúde no Brasil é destaque em conferência sobre aids