Menu
Busca quinta, 25 de fevereiro de 2021
YARIS-HB DOURAMOTORS - FEVEREIRO 2021
SAÚDE

Variante do coronavírus faz países suspenderem voos com o Brasil

Colômbia, Portugal, Turquia e Alemanha impuseram restrições

28 janeiro 2021 - 10h00Por Agência Brasil

Variantes do coronavírus SARS-CoV-2 têm levado países a restringir voos oriundos de onde essas variações estão sendo registradas, como o Brasil e o Reino Unido. Colômbia, Alemanha e Portugal anunciaram recentemente a restrição de voos internacionais.

Colômbia

O governo da Colômbia vai suspender, a partir de amanhã (29), oor 30 dias, os voos de e para o Brasil, como medida preventiva perante a variante do novo coronavírus oriunda do país. Em dezembro, as autoridades colombianas já haviam suspendido os voos de e para o Reino Unido, após identificar no país de uma outra variante do coronavírus.

"Como medida preventiva e por um período de 30 dias, enquanto são feitas todas as análises, são suspensos os voos da Colômbia para o Brasil ou do Brasil para a Colômbia", a partir de sexta-feira, anunciou o presidente colombiano, Iván Duque, em um programa de televisão no qual relata diariamente as medidas do governo para combater a pandemia.

A medida será aplicada apenas ao transporte de passageiros e não de cargas, que continuará como até aqui, com o cumprimento de todos os protocolos de biossegurança.

Portugal

Também a partir desta sexta-feira estão suspensos os voos entre Brasil e Portugal. A suspensão vai até o dia 14 de fevereiro. Em nota, o Ministério das Relações Exteriores do Brasil informou que o chanceler brasileiro, Ernesto Araújo, conversou ontem com o ministro dos Negócios Estrangeiros de Portugal, Augusto Santos Silva, e que a decisão de Portugal "se dá como resposta ao aumento do número de casos de covid-19 naquele país e não em função da situação no Brasil".

Alemanha

Já a Alemanha proibiu a entrada em seu território de viajantes de Portugal, do Reino Unido, da África do Sul e do Brasil. A informação foi confirmada hoje pelo ministro do Interior do país, Horst Seehofer. Segundo ele, a restrição também se deve às mutações do novo coronavírus.  

"Neste momento, estamos na fase de coordenação entre os ministérios para proibirmos a entrada de [pessoas provenientes] destes países. Quero dizer, de regiões onde se apresentam as mutações [do SARS-CoV-2], disse o ministro antes da reunião informal dos ministros do Interior da União Europeia que ocorrerá hoje através de vídeoconferência".

Seehofer admite que a lista de quatro países pode ser ampliada nas próximas semanas. 

No domingo (24), entraram em vigor na Alemanha restrições à entrada no país de viajantes provenientes de zonas de "alta incidência acumulada" em sete dias: superior a 200 casos por 100 mil habitantes.

Desses países já fazem parte cerca de 20 Estados, entre os quais, Portugal, Espanha, República Checa, Bolívia e Colômbia.

Turquia

Na semana passada, o ministro da Saúde da Turquia, Fahrettin Koca, anunciou a suspensão temporária de voos do Brasil, também devido ao aumento de casos da nova variante do coronavírus.

Ancara já havia suspendido voos do Reino Unido, Dinamarca e África do Sul devido à nova variante.

Deixe seu Comentário

Leia Também

EDUCAÇÃO
Reaplicação do Enem tem mais de 70% de abstenção
GOVERNO PRESENTE
Governo já investiu R$ 4,6 bilhões em infraestrutura desde 2015
PONTA PORÃ
Veículo que seguia para Dourados com mais de uma tonelada de maconha foi apreendido pelo DOF
CAARAPÓ
Polícia Civil desmantela associação criminosa que mantinha entreposto de entorpecentes