Menu
Busca sexta, 29 de maio de 2020
NOTÍCIAS

Produtor rural tem até o final do mês para atualizar cadastro de propriedades e estoques no Proacap

21 maio 2020 - 10h00Por Portal do MS

Os produtores de Mato Grosso do Sul que possuem estoque de animais bovinos e bubalinos em 2019 e aqueles quem têm arrendamento, comodato ou cessão de posse e que tenha estoque de animais neste ano devem fazer o cadastro no Proacap (Programa de Atualização do Cadastro da Agropecuária e do Estoque de Animais Bovinos e Bubalinos) até o dia 31 de maio. Para os demais, o prazo final é 30 de setembro de 2020.

O Proacap é obrigatório para os produtores rurais de Mato Grosso do Sul e integra as ações do PNEFA (Programa Nacional de Erradicação e Prevenção da Febre Aftosa) que trabalha a retirada da vacinação contra febre aftosa em todo País. O programa está dividido em duas fases. Na primeira, produtores atualizaram seu estoque efetivo de bovinos e, na segunda fase realizam a atualização da FAC (Ficha de Atualização Cadastral), feita on-line.

“O Proacap é uma atualização cadastral muito importante e que faz parte das ações para retirada da obrigatoriedade da vacinação contra a febre aftosa. É importante que os produtores fiquem atentos aos prazos”, lembra o secretário Jaime Verruck, da Semagro.

O diretor da Iagro (Agência Estadual de Vigilância Sanitária Animal e Vegetal), Daniel Ingold, reforça a atenção dos pecuaristas para a proximidade do fim do prazo e observa que as informações obtidas com o Proacap serão integradas para estar ao conhecimento de todos os órgãos do Governo e que esse mapeamento fundiário, é fundamental para monitoramento e tomada das decisões pertinentes ao setor. “A Iagro está à disposição para esclarecer qualquer dúvida em relação ao Proacap e no site e-saniagro, podem ser encontradas mais informações”, diz Ingold.

O cadastro pode ser feito on-line no portal e-CAP (Cadastro Eletrônico da Agropecuária), no site www.icmstransparente.com.br. Após o fim do prazo a Iagro vai notificar os produtores sobre o resultado do processamento de informações. A não realização ou infrações encontradas poderão resultar em multa.

Deixe seu Comentário

Leia Também

NOTÍCIAS
Demandas do consumidor podem ser resolvidas pelo celular
CIDADES
UFMS abre inscrições para curso de Especializadação em Segurança Pública
NOTÍCIAS
Justiça concede pensão e indenização a mãe que perdeu filho em acidente de trânsito
ECONOMIA
Dólar fecha em queda após discurso de Trump