Menu
Busca sexta, 15 de janeiro de 2021

Reajuste do gás em MS vai superar 10%

16 agosto 2012 - 00h00Por Fonte: Correio do Estado
O consumidor de Mato Grosso do Sul pode preparar o bolso para mais um aumento de preços entre os itens básicos. Desta vez, é o gás de cozinha (GLP), que vai ficar mais caro, a partir de setembro. O índice ainda não foi calculado pelo Sindicato dos Revendedores de Gás de Mato Grosso do Sul (Simpergasc), mas já foi anunciado e, a presidente da entidade, Neuza Leal, adiantou que a estimativa é de que ultrapasse os 10%.

Este é o segundo aumento de preços do GLP no ano no Estado. Em fevereiro, repasse das distribuidoras acrescentou até 17,7% no preço do produto, que chegou a R$ 55 em Campo Grande.

Desta vez, a justificativa é o dissídio coletivo dos trabalhadores do setor, mais o reajuste autorizado pelo governo, de forma indivualizada para os estados. Até agora, apenas o Paraná já encerrou as negociações com o governo, fechando em 5,2% no gás e, total, de 7,8%, a partir do dia 1.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BR 158
PMA autua empresa mato-grossense por derramamento de cerca de 22 mil litros de combustível
ECONOMIA
China contribuiu com mais da metade do superávit comercial do Brasil
RIO BRILHANTE
Polícia Civil prende suspeitos de tráfico de drogas que faziam parte organização criminosa
NOTÍCIAS
Negada indenização a comprador de veículo que não comprovou defeito em motor