Menu
Busca sábado, 16 de janeiro de 2021

A 120 Km/h, motorista atropela e mata segurança

A 120 Km/h, motorista atropela e mata segurança

31 maio 2012 - 13h30
Midiamax


A 120 quilômetros por hora, o condutor de um veículo Punto vermelho, placa NRF 8668, Richard Ildivan Gomides Lima, 21 anos, atropelou e matou na hora o segurança e estudante David Del Vale Antunes, 31 anos, por volta das 4h desta quinta-feira (31).

Policiais em ronda, em frente a um bar da Capital, na avenida Afonso Pena, avistaram Richard em alta velocidade e, logo em seguida, escutaram um estrondo, que não souberam nem definir se seria um tiro ou um acidente.

David estava parado no semáforo, no cruzamento da avenida Afonso Pena, com a rua Rubens Gil de Camilo, próximo ao Shopping Campo Grande, quando foi atingido.

O choque entre os veículos foi tão forte, que após o Punto bater na traseira da moto Yamaha Factor, placa HTR 3576, o corpo do motociclista foi parar a 38 metros do local da batida e a moto a 57 metros, de acordo com a polícia militar.

Após o acidente, Richard ainda tentou fugir do local, mas seu carro parou de funcionar a cerca de 250 metros da batida. A guarnição formada pelo cabo Leôncio, soldado J. Andrade e a soldada Lídia chegaram ao local logo em seguida. Eles prenderam em flagrante o motorista, que estava em visível estado de embriaguez.

Dentro do veículo, os policiais ainda encontram duas latas de cerveja. Questionado, o estudante de Direito Richard ainda confessou que bebia desde às 23h da quarta-feira (30) e se recusou a realizar o teste do bafômetro. “Ele não conseguia nem ficar em pé”, disse um dos policiais.

A vítima, que sofreu diversas fraturas, traumatismo craniano e chegou a perder massa encefálica no local, seria segurança de uma casa noturna da Capital e retornava do trabalho. Já Richard foi encaminhado a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Centro e será indiciado por Homicídio.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CUIDADO
Janeiro Branco e os cuidados com saúde emocional em meio a uma pandemia
SELVÍRIA
Paulista é autuado por derrubada de árvores e incêndio ilegal da vegetação nativa
CORONAVÍRUS
Em 24 horas MS registra 1.316 exames positivos de Covid-19 e 13 mortes
JUSTIÇA
Senacon adotas medidas para combater comércio de vacinas falsificadas