Menu
Busca quinta, 19 de julho de 2018
(67) 9.9973-5413
DESENTENDIMENTO

Após briga, homem de 22 anos é morto a golpes de facão

Um morre e outro fica gravemente ferido após briga generalizada

14 abril 2018 - 12h20Por Da redação

Cleiton Aurio Fernandes Moreira, 22 anos, morreu esfaqueado e Vicente Escobar, 39, ficou gravemente ferido, depois de uma briga por volta das 5h de ontem (13), na Rua Cândido Luiz Braga, no Bairro João de Barro, em Bonito.

De acordo com o site Campo Grande News, Vicente é um dos suspeitos de ter cometido o crime. Ele foi preso em flagrante e socorrido à Santa Casa da Capital sob escolta policial.

Conforme boletim de ocorrência, a Polícia Militar foi acionada para atender ocorrência de briga generalizada e encontrou Vicente ferido com golpes de faca atrás do posto de saúde do Jardim Bom Viver. 

Segundo o relato de uma testemunha à polícia, aconteceu uma briga e Cleiton havia sido socorrido pelo irmão e amigos. Ele relatou ainda que presenciou o momento em que Vicente e outro rapaz identificado como Norival Souza esfaquearam a vítima.

Confusão

Conforme informações de outras testemunhas, a vítima estava no bar bebendo com quatro pessoas, sendo três amigos e o irmão, quando o grupo de Cleiton teria se desentendido com Vicente e dado início à confusão. 

No local do crime, foi encontrado um facão com cabo de madeira.
Cleiton morreu antes de dar entrada no hospital. Norival, também apontado como suspeito pelo crime, não foi localizado pela equipe policial. 

O corpo da vítima foi levado para o IML (Instituto Médico Legal) de Dourados para exame necroscópico. O caso foi registrado na Delegacia de Polícia Civil de Bonito.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

FUTEBOL
Brasileirão retorna hoje com 5 jogos e duelo de líderes
SAÚDE
Suplementos alimentares ganham regulamentação inédita
BRASIL
Confira os casos em que a legislação permite mudar o nome de nascimento
A Lei de Registros Públicos permite que oficiais do registro civil se recusem a registrar nomes que possam expor seus portadores ao ridículo
CANCELADO
Adiado o julgamento do homem acusado de matar namorada a tesouradas