Menu
Busca terça, 29 de setembro de 2020

Após troca de tiros, dois são presos com 900 kg de maconha

Após troca de tiros, dois são presos com 900 kg de maconha

10 dezembro 2015 - 08h18Por Dourados News
Cleberson Vasques Acosta, 20, morador em Coronel Sapucaia e o paraguaio Derliz Gonzales Escurra, 19, foram presos no final da manhã de quarta-feira (9) após tentarem fugir de abordagem e ainda atirar contra policiais do DOF (Departamento de Operações de Fronteira) que realizavam bloqueio na MS 289, região de Amambai.

De acordo com as informações da ocorrência, ambos estavam num veículo GM Cruze de cor branca, com placas de Campo Grande.

Na tentativa de abordagem, os policiais foram recebidos a tiros pelos autores, vindo a acerta a viatura no para-brisa. Em seguida tentaram fugir e foram realizados disparos por parte da equipe, acertando um dos pneus do carro.

Ao perceber a chegada da viatura, eles “dispensaram” do carro uma arma de fogo calibre 32 com cinco munições deflagradas. Os autores pararam em seguida e ao serem abordados, foi constatado que Cleberson fora atingido de raspão na cabeça por um dos disparos realizados pela guarnição, sendo encaminhado para o hospital de Amambai para curativo.

Em vistoria foram localizados 900 tabletes de maconha que totalizaram 900 quilos da droga e ainda em checagem ao veículo Cruze foi constatado que o mesmo portava placas frias e era produto de roubo na cidade de Goiânia em 09 de outubro.

Segundo os autores, foram contratados na cidade de Coronel Sapucaia para transportar a droga até Dourados, recebendo R$ 5 mil pelo serviço. O caso foi registrado como Tráfico de Drogas, Porte Ilegal de Arma de Fogo, Tentativa de Homicídio, Desobediência e Direção perigosa na delegacia de Amambai.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Justiça Federal manda soltar acusados de invadir celular de Moro
ECONOMIA
Antecipação do INSS poderá ser pedida sem limitação de distância
ECONOMIA
Déficit primário do Governo Central atinge R$ 96,1 bilhões em agosto
NOTÍCIAS
1ª Câmara Cível considera regular a devolução de bem à revendedora