Menu
Busca segunda, 21 de setembro de 2020
CAMPANHA SETEMBRO 15 á 30/09/2020
CRIME AMBIENTAL

Assentado é autuado em R$ 2 mil por desmatamento e exploração de madeira ilegais e incêndio de vegetação nativa

10 setembro 2020 - 17h30Por PM-MS

Durante fiscalização ambiental no assentamento rural Taquaral no município, Policiais Militares Ambientais de Corumbá flagraram hoje (10) um desmatamento de vegetação nativa, que fora executado sem autorização ambiental. A supressão da vegetação foi realizada com uso de máquinas e o infrator ainda realizou a queima do material lenhoso nas leiras, bem como explorou a madeira também sem autorização do órgão ambiental competente.

A área desmatada foi medida com GPS e perfez 2 hectares e parte da madeira fora explorada. Outra parte do material lenhoso, inclusive, árvores de grande porte foi queimada em leiras e coivaras no local do desmatamento. Contra o infrator, residente em Corumbá, foi confeccionado auto de infração administrativo e arbitrada multa de R$ 2.000,00. Ele também responderá pelos crimes ambientais de desmatamento, que prevê pena de três a seis meses de detenção, de incêndio, com pena de dois a quatro anos de reclusão e por exploração ilegal de madeira com pena de seis meses a um ano de detenção.

Deixe seu Comentário

Leia Também

MARACAJÚ
Polícia Militar Rodoviária apreende mais de meia tonelada de maconha após acompanhamento tático
CAMPO GRANDE
Polícia Civil recupera moto furtada, prende suspeitos de tráfico de drogas e apreende menor
ECONOMIA
Mercado financeiro reduz projeção de queda da economia para 5,05%
NOTÍCIAS
Comissão de Acessibilidade do TJMS celebra um ano fazendo a diferença