Menu
Busca segunda, 26 de outubro de 2020
Faculdade columbia
TRÁFICO

Caminhão com 22 toneladas de maconha é apreendido próximo a fronteira com Paraguai em MS

Apreensão ocorreu na manhã desta terça-feira (21), na MS-386, entre as cidades de Ponta Porã e Amambai.

21 julho 2020 - 16h30Por G1MS

Um caminhão carregado com 22 toneladas de maconha foi apreendido na manhã desta terça-feira (21), em uma ação conjunta das polícias Federal (PF) e Rodoviária Federal (PRF), na rodovia MS-386, entre os municípios de Ponta Porã e Amambai, na região de fronteira com o Paraguai, em Mato Grosso do Sul. O motorista do veículo foi preso em flagrante por tráfico de drogas.

Essa foi uma das maiores apreensões de maconha de 2020 no estado. Em 20 de maio, em outra ação conjunta das duas forças foi apreendido em Iguatemi, também área de fronteira, um caminhão que levava 28 toneladas do entorpecente.

A apreensão desta terça ocorreu depois que policiais federais desconfiaram das constantes viagens do mesmo caminhão para a região de fronteira. O itinerário percorrido pelo veículo e modo de operação das organizações criminosas que fazem tráfico de drogas na região, reforçaram as suspeitas.

Os policiais começaram a investigar e descobriram que o caminhão saiu de Ponta Porã, nesta manhã, transportando uma carga de milho. Junto com a PRF, a localização do veículo, na MS-386, foi descoberta e o caminhão abordado.

Ao vistoriar a carga, os policiais encontraram embaixo do milho centenas os fardos com maconha. Preso em flagrante, o motorista do caminhão, um homem de 38 anos, disse que pegou o veículo já carregado com a maconha e que receberia R$ 20 mil para levar a droga até o estado do Paraná.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CONECTANDO VIDAS
Projeto chega a MS com a missão de facilitar contato entre pacientes covid e familiares
JUSTIÇA
Funcionária de conveniência que vendeu bebida a adolescente deve pagar multa
POLÍCIA
Caminhão carregado com 15 mil pacotes de cigarros contrabandeados foi apreendido pelo DOF durante a Operação Hórus
SAÚDE
Saiba como descartar medicamentos corretamente