Menu
Busca sábado, 19 de janeiro de 2019
(67) 9.9973-5413
INSTITUCIONAL TOPO
PARAGUAI

Casa e carros são explodidos na fronteira e chacina pode ter motivado ataque

19 dezembro 2018 - 14h00Por Luiz Guilherme

Na madrugada desta quarta-feira (19/12), duas casas e uma garagem com vários veículos foram atacados por um grupo de 30 criminosos, na cidade paraguaia de Ypejhú, na fronteira com o Brasil através de Paranhos. 

O jornal do país, ABC Color informou que o bando chegou no local por volta de 3h30, a bordo de cinco caminhonetes, com armas de grosso calibre e explosivos. Em uma das casas atacadas, estava uma mulher de 30 anos, identificada como Antonia Alderete Peralta, e o filho dela, de seis meses. Eles foram retirados a força da residência.

Com o imóvel vazio, os bandidos atiraram bombas e logo depois se deslocaram ao local onde estavam os veículos, incendiando todos. 

Ninguém ficou ferido no atentado, segundo o jornal. 

Motivação

Mais tarde a imprensa paraguaia divulgou que uma chacina, que deixou cinco mortos, ocorrida em outubro de 2015, em frente a uma padaria, no município de Paranhos, teria motivado o atentado desta madrugada. 

Isso porque as propriedades que foram bombardeadas e alvos de tiros pertencem a Diego Zacarias Alderete Peralta, que comandava, de acordo com o ABC Color, o tráfico de drogas na região. 

Ainda de acordo com o jornal, a suspeita é que o ato seja uma mensagem a Zacarias. 

A chacina

No dia da chacina, 19 de outubro de 2015, Bruno Vieira de Oliveira, Arnaldo Andrés Alderete Peralta, Rodrigo Silva, Denis Gustavo e Mohamed Youssef Neto, acabaram executados. 

Os suspeitos passaram em uma Toyota Hillux e começaram a atirar. 

Foram aproximadamente 100 disparos de fuzil. Segundo a polícia, os tiros tinham como ‘endereço’ uma pessoa ligada ao tráfico de drogas. 

Arnaldo e o irmão dele, Diego Zacarias Alderete Peralta, que teve a perna amputada no mesmo atentado, eram considerados os ‘chefes’ do narcotráfico.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

CHAPADÃO DO SUL
Após partida de futebol, estudante de medicina morre em casa
GERAL
Brasil é 5º país em ranking de uso diário de celulares no mundo
CAMPO GRANDE
Homem tenta furtar veículo, mas acaba amarrado e linchado por moradores
EDUCAÇÃO
MEC lança programa para simular nota no Sisu