Menu
Busca quinta, 18 de outubro de 2018
(67) 9.9973-5413
POLÍCIA

Comerciante da Capital é preso em operação contra o tráfico e roubo de cargas

11 outubro 2018 - 07h15Por Da redação

Um comerciante que não teve a identidade revelada, proprietário de uma conveniência e distribuidora de gás no cruzamento da Rua da Divisão com a Rua Babaçu, na região do Jardim Centenário, em Campo Grande, foi preso na manhã de ontem (10/10), pela Delegacia Especializada de Repressão a Roubo a Bancos, Assaltos e Sequestros (Garras).

Segundo o Correio do Estado, a ação faz parte da Operação Babel, deflagrada pela Polícia Civil do Distrito  Federal em Brasília e outras 14 cidades do país, contra grupo ligado ao tráfico de drogas e roubo de cargas.

De acordo com o delegado Fábio Peró, do Garras, havia contra o comerciante havia um mandado de prisão e dois de busca e apreensão, cumpridos no estabelecimento comercial e na residencial dele.

"As equipes chegaram ao local por volta das 6 horas da manhã. O trabalho foi realizado com apoio de um delegado e dois investigadores de Brasília que vieram nos acompanhar", disse Peró.

Conforme o site, o delegado informou também que o preso foi encaminhado para a sede do Garras.

A participação do  comerciante não foi divulgada. A Operação Torre de Babel cumpre ao todo 72 mandados de busca e apreensão, 42 de prisão preventiva e seis de prisão temporária em Brasília e em outras 14 cidades. Ao longo das investigações, iniciadas há nove meses, foi descoberta que a quadrilha, inicialmente investigada pelo roubo, furto e desvio de cargas, também era especializada no tráfico de drogas. Mais de 130 policiais participam das ações que ocorrem também em Santa Catarina, Goiás, Paraná, Pernambuco e São Paulo.

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRÁFICO
Dupla é presa com mais de 2 toneladas de maconha escondidas em caminhão
EDUCAÇÃO
Seguem abertas inscrições para Vestibular 2019 e Passe UFMS
PEDRO JUAN
Suspeita de envolvimento em roubo a vereador douradense é executada na fronteira
ELEIÇÕES 2018
Mesários poderão registrar eventual falha ou fraude de urna em aplicativo para investigação