Menu
Busca terça, 19 de novembro de 2019
OPERAÇÃO PESTICIDA

Envolvidos em fraudes do Fome Zero em MS simulavam entrega de produtos a cooperativas

09 outubro 2019 - 13h30Por Adriano Moretto/Dourados News

Suspeitos de envolvimento no esquema responsável em fraudar o programa Fome Zero em Mato Grosso do Sul simulavam entrega de produtos a associações ou cooperativas.

Através desse processo, conseguiam junto a Conab (Companhia Nacional de Abastecimento) a liberação de valores correspondentes à aquisição dessas mercadorias não entregues.

As ações de corrupção resultaram em investigações que levaram a Polícia Federal e a CGU (Controladoria Geral da União) a deflagrarem nesta quarta-feira (9/10) a Operação Pesticida. 

De acordo com a superintendência da PF no Estado, o esquema conta com a participação e conivência de agentes públicos.

Conforme as investigações, foram verificados cadastramentos no programa do governo federal em nomes de produtores que desconheciam o fato ou lastreados em propriedades rurais que não tinham capacidade produtiva. 

Ao todo são cumpridos cinco mandados de busca e apreensão em Campo Grande, Corumbá, Terenos, Bodoquena e Caracol, além da realização de oitivas simultâneas de seis testemunhas. 

Também foram determinadas nove ordens de afastamento de funções públicas de agentes da Conab e do PAA em Corumbá. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

DÉCADA
Com extinção prevista para 2020, DPVAT indenizou 6 mil por morte em MS
ECONOMIA
Black Friday deve movimentar R$ 3,67 bilhões, diz CNC
CORUMBÁ
Polícia prende acusado de tentativa de homicídio
POLÍCIA
Rapaz é preso por tráfico e PM recupera de chuveiro a tablet