Menu
Busca quinta, 21 de março de 2019
(67) 9.9973-5413
BANNER ÁGUA
FIM DA LINHA

Foragido e procurado pela PF, brasileiro é preso na Bolívia

15 março 2019 - 10h00Por Da Redação

Foragido da justiça brasileira e na lista dos dez criminosos mais procurados pela PF (Polícia Federal), foi preso na cidade de Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia, o brasileiro Gilmar José Baseggio, de 52 anos, vulgo ‘Tchoco’. A prisão aconteceu na quarta-feira (13/3).

De acordo com o Midiamax, em dezembro de 1999, uma equipe da PF sofreu uma emboscada por uma quadrilha liderada por ‘Tchoco’, durante uma investigação contra o tráfico internacional de drogas na região de Pimenteiras do Oeste, no Estado de Rondônia.

Na ocasião, o agente da PF, Roberto Simões de Mentzinger, foi morto e outros dois agentes baleados. 

Conforme o site, Gilmar foi preso em 2002, condenado a 37 anos de prisão, porém fugiu do Presídio Urso Branco, em Porto Velho. Até então ele estava foragido.

De acordo com o governo boliviano, ‘Tchoco’ era procurado por homicídio, tentativa de assassinato, roubo, evasão da justiça, evasão de prisão e tráfico de drogas, publicou o site Clave 300.

No país vizinho, ele estaria envolvido na agricultura em Santa Cruz de La Sierra para cobrir suas atividades ilícitas. Após a prisão, Gilmar foi extraditado para o Brasil onde cumprirá pena.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

MUNDO DOS FAMOSOS
Luana Piovani esclarece separação com Scooby: "Nossas vontades estão distintas"
GERAL
Programa busca integrar usuários da assistência social ao mundo trabalho
POR CAUSA DA CHUVA
Imasul emite alerta de possibilidade de inundação no rio Miranda
21 DE MARÇO
Dia Internacional de Luta pela Eliminação da Discriminação Racial