Menu
Busca quinta, 21 de novembro de 2019
DOURADOS

Homem é preso acusado de matar indígena a golpes de facão em aldeia

16 março 2019 - 07h15Por Luiz Guilherme

Foi preso na Aldeira Bororó, em Dourados, um homem de 30 anos, identificado como Samuel Martins Vargas, acusado de ter matado um Rozeio Ramires, de 20, no início da madrugada deste sábado (16/3), na Aldeia Bororó. 

Segundo o site Ligado na Notícia, o crime aconteceu na casa da vítima. Samuel teria ido com outros dois homens até a residência de Rozeio, e então começou uma discussão. O motivo seria uma rixa antiga.

À polícia, conforme o site, Samuel disse que foi ameaçado de morte, e três homens tentaram agredi-lo com pedaços de madeira, e para se defender pegou um facão e acabou desferindo golpes contra a vítima que ainda correu por cerca de 30 metros e acabou caindo em frente à residência.

Lideranças da Aldeia Bororó, acabaram fazendo a detenção de Samuel que foi entregue a uma equipe da PM (Polícia Militar). 

Samuel Martins foi levado para a delegacia foi autuado em flagrante acusado pelo crime de homicídio.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

POLÍTICA
Assembleia recebe três projetos do Poder Executivo
POLÍTICA
Governo de MS planeja investir até R$ 2 bilhões em três anos, anuncia governador
INTERNACIONAL
Bolívia pode revogar decreto que exime militares de responsabilidade
ESPORTE
Judô sul-mato-grossense termina campeonato em SC com mais duas medalhas