Menu
Busca quarta, 28 de outubro de 2020
CRIME

Homem que matou e ocultou corpo de esposa em MS é preso após quatro anos

Homem que matou e ocultou corpo de esposa em MS é preso após quatro anos

17 fevereiro 2016 - 09h30Por Fonte: Midiamax
Policiais civis de Maracaju prenderam Rozildo Donizeti da Silva de 42 anPos, que matou e ocultou o corpo da esposa Elizângela Paulino de Souza, em janeiro de 2012, em uma mata no Bairro Vila Juquita, próximo ao córrego Bugres.

A prisão foi em razão do cumprimento de um mandado de prisão expedido pela Justiça. De acordo com as investigações, Donizeti morava com a esposa no interior da mata próximo ao córrego. No dia oito de janeiro de 2012, os dois discutiram e Rozildo desferiu golpes de faca que matou Elizângela.

De acordo com a polícia, o autor levou o corpo da mulher até a beira do córrego e o cobriu com galhos para ocultá-lo, fazendo com que o crime não fosse descoberto na época. Segundo o site Maracaju na Hora, vários rumores surgiram na cidade sobre o desaparecimento de Elizângela.

Em 2014, a delegacia da cidade Maracaju iniciou as investigações e conseguiu provas contra Rozildo que confessou o crime e levou os policiais até o local onde ocultou o corpo. Foram feitas buscas pela mata onde o corpo foi escondido, porém, em razão da data do assassinato e cheias no córrego, não havia mais vestígios da vítima.

As investigações foram concluídas em junho de 2015 e levadas ao Ministério Público que representou pela prisão preventiva de Ronildo Donizete.

Deixe seu Comentário

Leia Também

TEMPO
Instabilidades aumentam e chuvas podem voltar a partir desta quarta-feira
REGIÃO
Polícia Militar Ambiental de Costa Rica autua em R$ 10 mil e interdita lava jato e borracharia por poluição ambiental
JUSTIÇA
Universidade que descumpriu parcelamento privado deve indenizar estudante
ECONOMIA
Tesouro descarta preocupação com encurtamento da dívida pública