Menu
Busca quinta, 26 de novembro de 2020

Laudo comprova que menina de dois anos foi estuprada, diz polícia

Laudo comprova que menina de dois anos foi estuprada, diz polícia

22 novembro 2011 - 14h10
G1 MS

Um laudo médico solicitado pela Polícia Civil comprovou que uma menina de dois anos de idade foi vítima de estupro em Antônio João. O suspeito é o pastor de uma igreja, que já foi indiciado, segundo o delegado Edemilson José Holler.

O caso veio à tona no início do mês e chocou os moradores da cidade que tem pouco mais de 8 mil habitantes. A avó da criança afirma que o pastor tinha acesso a casa da família e que o homem sempre saía com a criança para passear.

Os pais e a criança vítima do estupro estão fora da cidade. A família busca apoio psicológico. O pastor, indiciado por estupro de vulnerável, não quis voltar para a cidade por medo da reação dos moradores. O religioso se apresentou à polícia em Dourados, na região sul do estado, mas o delegado responsável pelo caso não divulgou os detalhes do depoimento.

De acordo com a direção da igreja que o acusado pertence, ele está afastado da presidência, mas os cultos foram mantidos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DIREITOS HUMANOS
Mídia é parceira no combate violência para mulher, dizem especialistas
JUSTIÇA
2ª Câmara Criminal mantém sentença de condenado por tráfico de drogas
COTAÇÃO
Dólar fecha em queda e cai a R$ 5,32
REGIÃO
Polícia Militar prende autor de ameaça com simulacro em Paranaíba