Menu
Busca segunda, 30 de novembro de 2020

Mãe e filha são agredidas em lanchonete em Ponta Porã

18 outubro 2011 - 13h05
Divulgação

Na noite de 17 de outubro de 2011, por volta das 23h30, a Policial Militar de Ponta Porã/4º BPM, foi acionada para se deslocar até a rua Jorge S. Pereira, no bairro parque das aroeiras, onde funciona uma lanchonete e em contato com a Sra. R. A. F. de 36 anos e sua filha T. A. F. de 15 anos, a mesma relatou que estava “tomando uma cerveja” na companhia de sua filha menor, quando chegou próximo de sua mesa um homem que não soube informar o nome e este pediu para sentar-se junto a elas.

Nesse momento, apareceu no local a esposa do cidadão, que desceu de sua motocicleta e muito nervosa começou a agredir seu esposo, lhe rasgou a camisa e logo em seguida foi de encontro a menor ofendendo-a com palavras de baixo calão e depois passou a agredir, deixando assim vários aranhões nos braços e rosto (face) da menor por ciúmes do esposo.

Foram realizadas rondas no local em busca da autora conhecida como Sandra, segundo a testemunha e vitima, porém sem êxito. O Sr. L. C. J. A. de 43 anos, confirmou o fato.

A menor recusou-se a ir ao hospital local para os atendimentos necessários; diante dos fatos a vitima (menor de 15 anos) e sua genitora foram orientadas a registrar um boletim de ocorrência no 1º DP para as providências cabíveis.


Deixe seu Comentário

Leia Também

CAMPO GRANDE
Briga de vizinhos acaba com um morto espancado
ECONOMIA
Caixa paga auxílio emergencial para nascidos em maio
INTERNACIONAL
Papa nomeia novos cardeais, entre eles o primeiro afro-americano
DETRAN
Contran revoga Resolução que interrompia prazos de serviços e divulga calendário para CNH