Menu
Busca quarta, 12 de agosto de 2020

‘Maníaco da Cruz’ deve ser solto em outubro

23 setembro 2011 - 07h55
‘Maníaco da Cruz’ deve ser solto em outubro

Redação (TP)


“Maníaco da Cruz”. Assim é conhecido o adolescente que atualmente está com 18 anos, acusado de matar três pessoas e colocá-las em forma de cruz após a execução. O jovem que está internado a três anos na Unidade de Educacional de Internação (UNEI), de Ponta Porã será solto no próximo mês, por volta do dia oito. O comportamento do jovem dentro da unidade é exemplar, dizem as autoridades.

O adolescente será colocado em liberdade porque já cumpriu o tempo máximo de internação permitido pelo ECA, Estatuo da Criança e Adolescente , que é de três anos. Sendo assim a ficha de antecedentes criminais do jovem será zerada.

O caso corre em segredo de justiça no Fórum de Ponta Porã por se tratar de adolescente.

Entende o caso:

‘O Maníaco da Cruz’ foi detido no dia 10 de outubro de 2.008, em Rio Brilhante. O rapaz confessou o assassinato de três pessoas depois de considerá-las “perdidas”. As vitimas eram asfixiadas e colocadas em posição de crucificação.

Entre as vitimas do ‘ Maníaco da Cruz’ estava o pedreiro Catalino Cardena, morto no dia 24 de julho de 2.008. No dia 24 de Agosto foi encontrado o corpo da frentista Letícia Neves de Oliveira, de 22 anos, e no dia 3 de outubro de 2.008 o corpo de Gleici Kelli Silva, de 13 anos.

Uma garota conhecida como “Carla” de 17 anos, foi a única vítma que escapou com vida do assassino.

Entre outras coisas o 'adolescente' informou a policia que era fã do 'maniaco do Parque' de São Paulo que ficou conhecido pela alcunha de Chico Estrela, que era motoboi, assinou várias jovens na capital Paulista, passou por Amambai e foi preso no Rio Grande do Sul.



Deixe seu Comentário

Leia Também

POLÍTICA
Congresso marca três reuniões para analisar todos vetos presidenciais
MATO GROSSO DO SUL
Governo divulga resultado preliminar de processo seletivo para área da saúde
GERAL
Anvisa quer reforçar medidas contra covid-19 em aeroportos e aeronaves
ANTÔNIO JOÃO
Polícia Civil prende foragido da justiça procurado pela prática de falsidade ideológica