Menu
Busca domingo, 09 de agosto de 2020

Menina de seis anos está desaparecida desde dezembro

29 setembro 2011 - 13h30
Mãe só contou à Polícia três meses depois, não levou foto da filha e agora não é localizada

Campograndenews

Uma menina de seis anos, moradora em Anastácio, a 135 quilômetros de Campo Grande, está desaparecida desde dezembro do ano passado. A mãe da criança só denunciou o caso à Polícia três meses depois e agora ela também não é encontrada.

De acordo com a Polícia Civil, a mulher procurou a Polícia em março deste ano e contou que a filha, Débora Cristina Carvalho Coene, tinha sumido.

Segundo relato da mãe a Polícia, ela abrigou em sua casa, na área central do município, um casal que perambulava pela cidade. Dias depois o homem e a mulher foram embora e a menina sumiu. A mulher suspeita que o casal tenha raptado a menina.

Ela disse à Polícia que o homem dizia chamar-se Paulo Peralta Benites, 40 anos, e a mulher Rosália, que aparentava ter 37 anos.

Desde então a Polícia procura pela menina, mas sem a foto dela. A mãe disse que iria levar aos investigadores uma fotografia, mas, até então não levou e agora os policiais não a encontram.

Conforme a Polícia Civil, ela é usuária de drogas e, mesmo com endereço fixo, costuma perambular pelas ruas. Ela tem outros filhos.

Qualquer informação sobre o paradeiro de uma das duas pode ser informado à Polícia Civil de Anastácio, pelo telefone (67) 3245-2207. O nome da mãe não foi divulgado.

Deixe seu Comentário

Leia Também

REGIÃO
Mulher foragida da Justiça acaba presa em Aparecida do Taboado
SAÚDE
Transporte em tempos de coronavírus é tema do Caminhos da Reportagem
ESPORTES
Max Verstappen estraga festa da Mercedes e vence GP dos 70 anos da F1
GERAL
Missa no Rio homenageia os mais de 100 mil mortos por covid-19