Menu
Busca quarta, 02 de dezembro de 2020
Faculdade columbia
ANTÔNIO JOÃO

Mulher de 67 anos é autuada por criar porco do mato ilegalmente em chiqueiro no quintal de sua residência

28 outubro 2020 - 16h00Por PM-MS

Policiais Militares Ambientais de Bela Vista realizavam fiscalização no município de Antônio João hoje (28) e receberam denúncias, de que uma mulher mantinha um animal silvestre ilegalmente em sua residência na cidade. A equipe foi ao local e verificou em um chiqueiro no quintal da casa da denunciada um animal silvestre da espécie Tayassu tajacu, conhecida como cateto, que era mantido em cativeiro sem autorização do órgão ambiental.

A infratora (67) informou aos Policiais que possuía o animal desde filhote e o criava no chiqueiro no quintal. O cateto foi apreendido. A equipe da PMA a encaminhou à delegacia de Polícia Civil de Antônio João e ela responderá por crime ambiental, com pena prevista de seis meses a um ano de detenção. Contra ela também foi confeccionado um auto de infração e arbitrada multa administrativa no valor de R$ 500,00. O bicho será encaminhado ao Centro de Reabilitação de Animais Silvestres (CRAS), em Campo Grande.

Deixe seu Comentário

Leia Também

COTAÇÃO
Dólar fecha em alta nesta quarta após forte queda na terça
SAÚDE
Anvisa define requisitos para pedido de uso emergencial de vacina da Covid-19
Um dos critérios é que a vacina precisa estar em estudos clínicos de fase 3 - última etapa de testes - no Brasil
MAIS UMA CONDENAÇÃO
Chefe do tráfico na fronteira, Galã é condenado a 8 anos de prisão por lavagem de dinheiro em MS
ECONOMIA
Venda de veículos automotores aumenta 0,45% de outubro para novembro