Menu
Busca quarta, 21 de outubro de 2020

Novo sistema de monitoramento leva mais segurança para presídio de Amambai

Novo sistema de monitoramento leva mais segurança para presídio de Amambai

01 abril 2016 - 07h45Por Agepen
O Estabelecimento Penal Masculino de Regimes Semiaberto, Aberto e de Assistência aos Albergados de Amambai agora conta com um moderno sistema de videomonitoramento. Composto por 16 câmeras com resolução em Full HD, através dele é possível monitorar toda movimentação ao redor da penitenciária. Além disso, o sistema também mantém as imagens salvas por um período de até 12 dias.

A implantação do videomonitoramento ocorreu graças a uma parceria da Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen) com o Conselho da Comunidade de Amambai, que financiou a compra dos equipamentos. Segundo o presidente do Conselho, André Ferreira Vicentin, foram investidos cerca de R$ 19 mil.

Para o diretor-presidente da Agepen, Ailton Stropa Garcia, o uso da tecnologia tem se demonstrado muito útil para reforçar a segurança nas unidades prisionais. "O videomonitoramento torna mais rápida qualquer ação necessária, tanto para contenção de possíveis tentativas de fuga, quanto para repressão de tentativas de ataques externos", ressalta.

O juiz responsável pela Execução Penal em de Amambai, Pedro Henrique Freitas de Paula, esteve esta semana no presídio conhecendo o novo sistema de vigilância. A visita foi acompanhada pela promotora de justiça Nara Mendes dos Santos Fernandes, pelo defensor público titular da 1ª Defensoria da Comarca de Amambai, Marcelo Marinho da Silva, e pelo presidente do Conselho da Comunidade.



Durante a visita, o diretor do presídio, Alexandre Ferreira de Souza, destacou que a implantação desse novo sistema de monitoramento torna a rotina diária do local mais tranquila e segura, tanto para os servidores penitenciários, quanto para os detentos.

Conforme Alexandre, outras melhorias estão programadas para o local. "Ainda este ano, será implantado um sistema de biometria, para registro de entrada e saída dos detentos", informa. "Com isso, o controle passará ser automático e mais preciso, tornando mais difícil qualquer tipo de erro na contagem dos presos e na frequência com que os mesmos têm comparecido na penitenciária", finaliza.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
ANS: 59% das queixas sobre covid-19 são para exames e tratamentos
REGIÃO
Polícia Militar Ambiental de Aquidauana flagra e autua infrator por incêndio em resíduos domésticos em terreno baldio
NAVIRAÍ
Boca de fumo é descoberta e um adolescente e dois homens são detidos pela Polícia Civil
CRIME AMBIENTAL
Gerente de fazenda é autuado em R$ 5 mil por construção de ponte em estrada degradando áreas protegidas de córrego