Menu
Busca quinta, 29 de outubro de 2020

Piloto e empresário condenados a 10 anos por transportar cocaína em avião

Piloto e empresário condenados a 10 anos por transportar cocaína em avião

01 abril 2016 - 10h45Por Correio do Estado
Piloto, de 46 anos, e empresário, de 48, que estavam em avião que foi perseguido por um caça da Força Aérea Brasileira (FAB), em novembro do ano passado em Mato Grosso do Sul, foram condenados a 10 anos de 2 meses de prisão pela Justiça Federal de Araçatuba (SP).

A aeronave transportava 400 quilos de pasta base de cocaína e recebeu ordem de parada dos pilotos da FAB quando atravessavam o espaço aéreo sul-mato-grossense. O piloto manteve o curso até ser obrigado a pousar na cidade de Gabriel Monteiro (SP), na região de Araçatuba. O piloto, de 46 anos, e um empresário de 48 anos, foram presos em flagrante. A droga estava avaliada pela polícia em R$ 7 milhões.

Na época, o empresário que é de Curitiba, disse que foi contratado por US$ 100 mil para comprar e vender a droga e que ganharia a aeronave depois do trabalho. O piloto informou que foi contratado pelo empresário por R$ 50 mil, mas não sabia que era para transportar a droga. A dupla foi presa por tráfico internacional e permanece na cadeia de Penápolis (SP).

Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA
Receita começa hoje a enviar cartas a contribuintes na malha fina
COXIM
Polícia militar prende autores de tráfico de drogas e apreende LSD, Êxtase e maconha
DETRAN-MS
Outubro é mês de pagar licenciamento de placas final zero
LOTERIA
Mega-Sena acumula e pode pagar prêmio de R$ 52 milhões no sábado