Menu
Busca terça, 20 de outubro de 2020

PMA flagra pescador profissional e adolescente pescando com redes irregulares

08 fevereiro 2016 - 09h45Por PMA
A PMA (Polícia Militar Ambiental) de Bataguassu, que trabalha na Operação Carnaval, prendeu por pesca predatória no início da noite de sábado (06) no rio Paraná, um pescador profissional de 47 anos de idade. Ele estava com petrechos proibidos.

O infrator foi avistado em uma embarcação no rio, no lago da usina hidrelétrica Sérgio Motta pescando com redes de pesca (petrechos proibidos) e no período de Piracema. Ele havia armado redes de pesca emendadas e tinha parte deste material na embarcação.

Ao avistar os policiais, o infrator, que estava acompanhado de seu filho de 16 anos de idade, tentou se livrar dos petrechos ilegais, lançando-os à água. No entanto, os 500 metros de redes foram apreendidos e os policiais soltaram 10 kg de pescado que estavam presos a elas, porém, vivos. Também foram apreendidos o barco e o motor de popa pertencentes ao infrator.

O pescador profissional, morador de Presidente Epitácio (SP), recebeu voz de prisão e foi conduzido, juntamente com o material apreendido e o adolescente, à delegacia de Polícia Civil de Bataguassu, onde ele foi autuado em flagrante por crime ambiental de pesca predatória.

Se condenado, poderá pegar pena de um a três anos de detenção. A PMA também autuou administrativamente o infrator e arbitrou multa de R$ 1 mil. O adolescente também responderá por ato infracional de pesca predatória.

Deixe seu Comentário

Leia Também

COTAÇÃO
Dólar fecha abaixo de R$ 5,60 com recuperação da China e otimismo sobre vacina para Covid-19
ELDORADO
Polícia Militar apreende medicamentos contrabandeados
DOURADOS
Mais de 900 pacotes de cigarros contrabandeados foram apreendidos pelo DOF em residência
MUNDO NOVO
Polícia Militar recupera veículo roubado