Menu
Busca sexta, 15 de janeiro de 2021

Presos acusados de matar administrador

A Policia Civil esclareceu o roubo seguido de morte em que foi vitima o administrador da Fazenda 2MM Clésio de Almeida, de 66 anos.O crime aconteceu no dia 3 de janeiro, por volta das 5h30, quando a vitima ordenhava o gado

22 maio 2012 - 11h00Por Dourados Agora
A Policia Civil esclareceu o roubo seguido de morte em que foi vitima o administrador da Fazenda 2MM Clésio de Almeida, de 66 anos.O crime aconteceu no dia 3 de janeiro, por volta das 5h30, quando a vitima ordenhava o gado.

Clésio foi surpreendido por três bandidos armados e encapuzados. Ele foi levado para trás da casa e assassinado com um tiro na nuca, sem qualquer chance de defesa. Depois de longas investigações, policiais localizaram os bandidos que foram presos: Weslen Ferreira dos Santos Almeida “Xerenga”, Edinaldo Santos de Medeiros, Everton Santos Grein “Macarrão”, Heverthon Leonarddo Marafigo Wehle que integra a quadrilha do bandido conhecido apenas como “Hermano” e que está foragido.

A ousadia dos bandidos chega a surpreender. Sabendo que parte da quadrilha estava presa, um outro grupo já tinha planos de invadir a delegacia e incendiar o veiculo que está em poder da pericia. A intenção era apagar qualquer vestigio de provas contra eles. O fato só não foi consumado devido os policiais já saberem que isso poderia acontecer e foi pedido reforço para a delegacia.

No dia do crime contra o adminstrador da fazenda, os assaltantes tinham informações privilegiadas sobre a rotina da propriedade, inclusive, que residiam no local apenas Clésio e sua esposa de 73 anos. Outra informação que eles tinham conhecimento é que o casal de idosos guardava dinheiro na residência.

QUADRILHA PRETENDIA INVADIR DELEGACIA E APAGAR PROVAS CONTRA ELES

Após matarem Clésio, os assaltantes roubaram a carteira e outros pertences da vitima e fugiram com o seu veiculo Gol levando também a esposa da vitima como refém. Após percorrerem aproximadamente trezentos metros, os bandidos perderam o controle do veiculo e colidiram contra a cerca do corredor da fazenda antes mesmo de chegar a estrada vicinal que dá acesso ao município de Iguatemi.

Após baterem o veiculo da vitima, que ficou danificado, os assaltantes correram abandonando também a refém e se dividiram sendo que um deles com a arma em punho ao chegar a estrada vicinal MS-180 rendeu um motorista de um veiculo Fiat Strada que passava próximo ao local e com a arma apontada para a cabeça do mesmo obrigou-o a dirigir em alta velocidade para Tacuru. Emterritório paraguaio, divisa com Sete Quedas, ele abandonou o motorista e fugiu com o veiculo Fiat Strada.

Com os dados em mãos e informações precisas, foi pedido a prisão preventiva dos envolvidos. Outros três bandidos integrantes da quadrilha, que planejavam tomar a delegacia e soltar os presos, foram detidos e posteriormente liberados onde responderão por formação de quadrilha.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BR 158
PMA autua empresa mato-grossense por derramamento de cerca de 22 mil litros de combustível
ECONOMIA
China contribuiu com mais da metade do superávit comercial do Brasil
RIO BRILHANTE
Polícia Civil prende suspeitos de tráfico de drogas que faziam parte organização criminosa
NOTÍCIAS
Negada indenização a comprador de veículo que não comprovou defeito em motor