Menu
Busca quinta, 01 de outubro de 2020

Universitário pode ter sido assassinado por engano

Universitário pode ter sido assassinado por engano

06 fevereiro 2012 - 16h00
Dourados Agora

A polícia Civil investiga a hipótese do universitário do 2º ano do curso de Educação Física, Adan Gabriel Sauro Matos, 21 anos, conhecido como “Dan” ter sido morto por engano em Dourados.

O crime aconteceu às 20h15 de sábado na rua Leônidas Além, no Jardim Água Boa. A vítima foi assassinada com três tiros no peito.

De acordo com informações policiais, já divulgadas pelo Douradosagora veja, a vítima saiu do Canaã 6 e seguia de moto, uma Honda Titan da cor prata, placa HTE 0772, pela Rua Frei Antônio, antiga W-17, no bairro Jardim Água Boa. O destino seria a casa da namorada da vítima.

De acordo com a polícia, um carro, no sentido contrário, teria se aproximado da moto e um dos ocupantes efetuou os disparos. Com isso Adan caiu. Uma equipe do Samu foi acionada mas a vítima morreu na hora.

Adam, que era universitário, ainda trabalhava e não tinha passagem pela polícia. Ele morava no Canaã 6. Familiares e amigos disseram que ele nunca se envolveu em confusão. Diante do exposto os policiais durante a investigação descobriram que pessoa ligada a vítima teria se desentendido e recentemente e foi ameaçado de morte. A polícia investiga o caso. (Informações Sidnei Lemos – Bronka).

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Pesquisa comprova que covid-19 é também doença vascular
ECONOMIA
Criação de empregos em agosto atinge melhor nível em nove anos
SERVIDOR
Governo deposita salários de servidores nesta quinta-feira
SAÚDE
Covid-19: Anvisa reduz exigências para análise de registro de vacinas