Menu
Busca sábado, 23 de janeiro de 2021

Deputado do PMDB “posta” contra aliado e mostra divisão partidária

27 agosto 2012 - 14h40
MS Já


O deputado federal Marçal Filho (PMDB) diferente da maioria dos partidários dele não está apoiando a atual administração e entrou de vez na campanha da esposa, Keliana Fernandes (PSC).

Pela rede social Facebook, Marçal, Keliana e apoiadores vêm postando fotos com o objetivo de convencer os eleitores de que Dourados enfrenta problemas em áreas como saúde e infraestrutura.

O fato seria normal se não fosse o PMDB em sua maioria membro da administração de Murilo Zauith (PSB) que tenta se reeleger no cargo com o apoio do senador Delcidio do Amaral (PT) que oficialmente é adversário do PMDB de Campo Grande, comandado pelo governador André Puccinelli.

Em um cenário tão diverso, Dourados está à parte de uma disputa PT e PMDB que se desenha para 2014 ao Governo do Estado, onde PMDB ficaria sem palanque, já que Delcidio estaria ao lado de Zauith em uma eventual reeleição e o PMDB estaria dividido na cidade.

No caso de outros candidatos vencerem, fossem eles Delane da Silva Borges (PSDC), José Roberto (PSOL) ou a própria Keliana, o PMDB continuaria sem palanque para o seu candidato ao governo do Estado, que ao que se desenha, poderá ser o atual prefeito de Campo Grande, Nelson Trad Filho.

Enquanto 2012 não chega, o PMDB de Dourados segue dividido , como jê esteve o PT, partido que já esteve por oito anos no comando da cidade, caiu para o cargo de vice-prefeito com duas secretarias e perdeu o cargo de vice na atual composição, não se sabendo ainda qual seria o espaço que teria em uma eventual reeleição de Zauith.

Coincidentemente o PT também se dividiu no momento em que discutiu o apoio ou não ao atual prefeito. As eleições serão em 07 de outubro.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA
Pendências com o Simples atingem quase dois terços das empresas
PONTA PORÃ
Após tentativa de homicídio, Polícia Militar apreende submetralhadora 9mm
SAÚDE
Boletim Covid-19 deste sábado registra óbitos em 12 municípios
REGIÃO
PMA autua dois em R$ 3 mil por abandonar cachorro em estrada