Menu
Busca quarta, 26 de fevereiro de 2020
POLÍTICA

Governo estuda enviar Exército para combater queimadas na Amazônia

Presidente Jair Bolsonaro disse que decisão será tomada ainda hoje

23 agosto 2019 - 10h45Por Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro disse hoje (23) que estuda enviar o Exército para combater as queimadas na Amazônia por meio de uma operação de Garantia da Lei e da Ordem (GLO). Segundo ele, a decisão será tomada ainda nesta manhã. “É uma tendência [determinar uma GLO. A tendência é essa, a gente fecha agora de manhã”, disse, ao deixar o Palácio da Alvorada.

De acordo com Bolsonaro, ontem (23) houve uma reunião para tratar do assunto. “O que tiver ao nosso alcance nós faremos. O problema é recurso”, ressaltou.

Em despacho publicado ontem em edição extra do Diário Oficial da União, o presidente determina que todos os ministérios, de acordo com suas competências, adotem “medidas necessárias ao levantamento e combate a focos de incêndio na região da Amazônia Legal para a preservação e a defesa da Floresta Amazônica, patrimônio nacional”.

Realizadas exclusivamente por ordem expressa da Presidência da República, as missões de GLO ocorrem nos casos em que há o esgotamento das forças tradicionais de segurança pública. Nessas ações, as Forças Armadas agem por tempo limitado, com o objetivo de preservar a ordem pública, a integridade da população e garantir o funcionamento regular das instituições.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Sob suspeita de coronavírus, volta às aulas é preocupação em Ponta Porã
CRIMES AMBIENTAIS
Multas aplicadas durante Carnaval 2020 é quatro vezes maior que no último ano
CORUMBÁ
Homem é preso com faca após ser flagrado pela mulher na cama com amante
CLIMA
Defesa Civil emite alerta de chuvas e ventos fortes para quase 40 municípios de MS