Menu
Busca sábado, 16 de janeiro de 2021

Ministro pede 60 dias para concluir estudo sobre duplicação da BR-163

Ministro pede 60 dias para concluir estudo sobre duplicação da BR-163

04 maio 2012 - 08h24
Divulgação (TP)

O ministro dos Transportes, Paulo Sérgio Passos, pediu o prazo de 60 dias para apresentar propostas sobre a duplicação da BR-163 em Mato Grosso do Sul. A informação foi transmitida nesta quinta-feira (3) ao senador Waldemir Moka (PMDB).


O ministro recebeu os integrantes da Comissão de Serviços de Infraestrutura do Senado para discutir os programas do governo federal para o setor de transporte. A reunião foi proposta por Moka, que considera esse tipo de encontro mais produtivo do que as audiências públicas na comissão.


De acordo com o senador sul-mato-grossense, o Ministério dos Transportes está elaborando estudos para apresentar propostas para duplicação da BR-163, se por meio de concessão onerosa para o Estado, ou através de recursos do Orçamento da União.

Moka entregou ao ministro dados estatísticos sobre o número de acidentes e mortes no trecho da rodovia que corta Mato Grosso do Sul. “O ministro conhece o problema e comprometeu-se a avaliar com atenção o pleito, que é toda a sociedade sul-mato-grossense”, informa.

O senador diz que a presidente Dilma Rousseff manifestou apoio ao pedido feito pelo governador André Puccinelli, durante audiência no Palácio do Planalto no início de abril. "A presidente prometeu avaliar o pedido e hoje vimos que há interesse do governo em resolver essa questão", avalia.
Comissão


Liderados pela presidente da Comissão, a senadora Lúcia Vânia (PSDB-GO), os parlamentares debateram sobre alguns dos principais gargalos do sistema de infraestrutura do país, como revitalização e duplicação de rodovias, estudos de novos projetos hidroviários e ampliações de ferrovias.


Participaram também da audiência os senadores Vincentinho Alves (PR-TO), Ivo Cassol (PP-RO), Jayme Campos (DEM-MT) e Kátia Abreu (PSD-TO), além do diretor-geral do Dnit, General Jorge Fraxe, do presidente da Valec, José Eduardo Castello Branco, do secretário executivo do Ministério, Miguel Masella, do secretário de Política Nacional de Transportes, Marcelo Perrupato e da equipe de assessores e técnicos do Ministério dos Transportes e do Dnit.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BR 158
PMA autua empresa mato-grossense por derramamento de cerca de 22 mil litros de combustível
ECONOMIA
China contribuiu com mais da metade do superávit comercial do Brasil
RIO BRILHANTE
Polícia Civil prende suspeitos de tráfico de drogas que faziam parte organização criminosa
NOTÍCIAS
Negada indenização a comprador de veículo que não comprovou defeito em motor