Menu
Busca terça, 02 de março de 2021

Prefeito Kayatt implanta projeto de Adão Dauzacker

Prefeito Kayatt implanta projeto de Adão Dauzacker

05 outubro 2011 - 19h30
Divulgação (TP)


O bairro da Granja foi o primeiro beneficiado com a Academia da Terceira Idade. Os aparelhos foram instalados na Praça Argileu de Matos.

Está é uma das inúmeras reivindicações do Vereador Adãozinho Dauzacker, autor do projeto de Lei aprovado pela Câmara Municipal e publicado no Diário Oficial no dia 30 de junho de 2011 Ed.1322 pag. 06, Lei 3797 de 29 de junho de 2011.

O Vereador destacou que o projeto dispõe sobre a implantação de Academias da Terceira Idade em todos os Centros de Esporte e Lazer do Município de Ponta Porã. Conforme a proposta O Chefe do Poder Executivo, fará implantar Academias da Terceira Idade em todos os Centros de Esporte e Lazer existentes no Município de Ponta Porã. As Academias da Terceira Idade, serão equipadas com aparelhos feitos de ferro e desenvolvidos especialmente para a prática de exercícios físicos da terceira idade.

O Vereador ressaltou que a finalidade do Projeto de Lei é incentivar a prática regular de exercícios físicos para os idosos, no sentido de melhorar sua qualidade de vida e prevenção às doenças e agravos não transmissíveis (DANTs), promover a saúde física e mental, além de elevar a auto estima dos idosos.

O Parlamentar ressalta que nos locais que forem instalados os aparelhos da Academia da Terceira Idade se tornaram mais atrativos e interessantes para que todas as pessoas possam frequentá-los, não apenas para desenvolver atividades físicas, mas também para o entretenimento, o que incentiva a comunicação social e também a segurança pública, finalizou o Vereador Adãozinho Dauzacker.

(Assessora Lucimara)


Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA
Preços de gasolina, diesel e gás aumentam hoje nas refinarias
DETRAN DIGITAL
Proprietários de veículos e condutores agora devem atualizar endereços pela internet
RIO VERDE
PM flagra adolescentes descumprindo Decreto Sanitário e promovendo perturbação do sossego
LEGISLATIVO
Deputados devem votar quatro matérias na primeira sessão do mês de março