Menu
Busca domingo, 09 de agosto de 2020

Rio deve ter pior epidemia de dengue da história, diz prefeito

31 agosto 2011 - 17h50
Rio deve ter pior epidemia de dengue da história, diz prefeito

Folha.com

O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes (PMDB), disse hoje que a cidade poderá ter, no próximo verão, a pior epidemia de dengue de sua história. Por conta disso, será publicado amanhã, no "Diário Oficial" do município, um decreto instituindo estado de alerta e estabelecendo medidas de prevenção.

Uma das medidas será a entrada compulsória de agentes de saúde em imóveis fechados ou abandonados.

De acordo com Paes, levantamento feito pela Secretaria de Saúde mostrou dados semelhantes aos de 2001 e 2007, que antecederam as grandes epidemias de 2002 e 2008.

"Nós tivemos duas epidemias grandes na história do Rio, em 2002 e 2008. Nos dois casos, o número de casos apresentou uma curva de crescimento no ano anterior, e esse quadro se repete em 2011. Portanto, tudo aponta para um novo ciclo da doença, mais amplo, mais elevado. Certamente, a maior epidemia da história do Rio de Janeiro.".

Paes acrescentou ainda que a previsão aponta ainda que os casos mais frequentes serão dos tipos 1 e 4 de dengue. Ele, no entanto, destaca que há, inclusive, possibilidade novos tipos da doença.

O governo destacou ainda que 82% dos criadouros do Aedes Aegypti, o mosquito transmissor da doença, estão dentro dos imóveis, e em mais de 60% dos casos já registrados havia foco na casa do doente.

"O grande risco está dentro de casa. Por isso vamos triplicar as visitas às residências das cidades", disse secretário municipal de Saúde, Hans Dohmann.

Deixe seu Comentário

Leia Também

REGIÃO
Mulher foragida da Justiça acaba presa em Aparecida do Taboado
SAÚDE
Transporte em tempos de coronavírus é tema do Caminhos da Reportagem
ESPORTES
Max Verstappen estraga festa da Mercedes e vence GP dos 70 anos da F1
GERAL
Missa no Rio homenageia os mais de 100 mil mortos por covid-19