Menu
Busca sexta, 10 de abril de 2020

Amigo de Lula, dono da Usina São Fernando é convocado para depor em CPI do BNDES

Amigo de Lula, dono da Usina São Fernando é convocado para depor em CPI do BNDES

13 novembro 2015 - 09h42Por G1
A CPI do BNDES na Câmara dos Deputados que investiga operações envolvendo o banco de fomento, aprovou nesta quinta-feira (12) a convocação do empresário e pecuarista José Carlos Bumlai – amigo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e um dos acionistas da Usina São Fernando, instalada em Dourados – para prestar esclarecimentos sobre suspeitas de tráfico de influência e favorecimento em contratos firmados pelo banco.

A convocação de Bumlai foi aprovada por 13 votos favoráveis e três contrários. Como se trata de uma convocação, o empresário será obrigado a comparecer à CPI. Ainda não há previsão da data em que ele comparecerá na comissão.

De acordo com o portal G1, o pecuarista sul-mato-grossense tinha acesso franqueado ao gabinete de Lula durante os oito anos em que o petista comandou o Palácio do Planalto. Os dois se conheceram em 2002, apresentados pelo ex-governador Zeca do PT, e estreitaram a relação nos anos seguintes.

Um dos delatores da Operação Lava Jato, o lobista Fernando Soares, conhecido como Fernando Baiano, afirmou em depoimento ao Ministério Público Federal que repassou R$ 2 milhões a Bumlai referente a uma comissão a que o pecuarista teria direito por incluir Lula em uma negociação para um contrato.

Antes da convocação de Bumlai, a CPI havia aprovado a requisição de empréstimo do BNDES à Usina São Fernando, relembre aqui.

Segundo as investigações, a usina, que se encontra em grave crise financeira, teria recebido um empréstimo de R$ 101,5 milhões em 2012 após ter pedido falência à Justiça um ano antes. O requerimento aprovado não trata de quebra de sigilo das informações da operação e sim do acesso dos parlamentares aos contratos confidenciais.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CONTRABANDO
Montana com 900 pacotes de cigarros que seguia para Cuiabá foi apreendida pelo DOF durante a Operação Hórus
ESTADO
Operação Semana Santa inicia com foco nas rodovias e rios de MS
POLÍCIA
Com visitas proibidas, triplica apreensão de droga arremessada em presídio
RIBAS DO RIO PARDO
Caseiro atira contra ‘invasores’ e descobre que eram parentes do patrão