Menu
Busca sábado, 04 de julho de 2020

SINJORGRAN completa 26 anos de lutas

SINJORGRAN completa 26 anos de lutas

09 dezembro 2015 - 08h18Por SINJORGRAN
O Sindicato dos Jornalistas Profissionais na Região da Grande Dourados (SINJORGRAN) completa neste 9 de dezembro 26 anos de lutas, perseverança e conquistas.

Fundado em 9 de dezembro de 1989 como desdobramento da delegacia sindical de Dourados vinculada ao Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Mato Grosso do Sul (SindJor-MS) instalado em Campo Grande, o objetivo maior, na época, era se ter independência administrativa, jurídica e política para desenvolver as ações.

É um dos quatro do País com abrangência regional, já que os demais sindicatos de jornalistas são estaduais. A jurisdição é sobre 25 Municípios do Sul do Estado (https://sinjorgranms.files.wordpress.com/2011/09/estatuto-dos-jornalistas-2008.pdf).

Durante esse período o SINJORGRAN tem sido combatente e vigilante na defesa da profissão e da liberdade de imprensa, tendo alcançado várias conquistas que vão desde a regularização dos profissionais, o reconhecimento junto à Federação Nacional dos Jornalistas (FENAJ), a participação nas campanhas nacionais de luta da categoria, a parceria permanente com o SindJor-MS, o aumento no número de filiados e a consolidação de Acordos Coletivos de Trabalho.

Atualmente tem sua sede instalada na Avenida Joaquim Teixeira Alves, 1985, sala 07, no centro de Dourados.

Pela presidência já passaram Cícero Faria (1989/92), José Henrique Marques (1995/98), Antônio Pinto Viegas (1999/02), Clóvis de Oliveira (2002/05), Luís Carlos Luciano que cumpre o terceiro mandato (2005-08/2008-11/2014) e Karine Segatto (2011/14).

Neste ano, por exemplo, a entidade promoveu em fevereiro o Futemídia, um evento esportivo em parceria com os publicitários locais como parte da programação alusiva ao Dia do Jornalista comemorado em 7 de Abril; a festa de confraternização dos jornalistas em 11 de abril; cobrou, durante as eleições para escolha da nova Reitoria da UFGD compromisso dos candidatos quando a criação do Curso de Jornalismo; iniciou a campanha de atualização dos dados cadastrais de seus filiados; renovou Acordos Coletivos de Trabalho (ACTs) com a TV Morena, RIT, douradosnews e Jornal Diário MS; adquiriu novos equipamentos para a sede; filiou 19 jornalistas, boa parte da região; cobrou e conseguiu junto à Câmara Municipal de Dourados que fosse respeitada a jornada de 25 horas semanais no concurso público com vaga para jornalista; entre outras demandas administrativas e o atendimento diário na sede da entidade.

Mais recentemente acadêmicos do curso de Comunicação Social – Publicidade e Propaganda da UNIGRAN fizeram uma proposta de Briefing e Manual de Marca para o sindicato.

Apesar dos avanços, Luís Carlos reconhece que há ainda muito por se fazer e que o maior desafio no âmbito local e regional continua sendo a falta de maior engajamento dos jornalistas em torno de suas próprias lutas.

Deixe seu Comentário

Leia Também

PANDEMIA
Mais uma cidade de MS apresenta caso confirmado de coronavírus
ECONOMIA
Caixa volta a realizar sorteios da Loteria Federal hoje
HOMICÍDIO
Boliviano mata amigo a facadas após terem passado o dia bebendo juntos: 'Nunca havia matado ninguém'
POLÍTICA
Presidente sobrevoa áreas afetadas por ciclone em Santa Catarina