Menu
Busca sexta, 23 de abril de 2021
Brasil&Mundo

Aranha passa a ser ofendido por torcedores do Santos

22 janeiro 2015 - 09h32Por Fonte: correiodoestado
Em agosto do ano passado, Aranha foi o alvo de manifestações racistas por parte da torcida do Grêmio, que o chamou de “macaco”. O time gaúcho acabou eliminado da Copa do Brasil pelo ato. Agora o goleiro é novamente alvo de ofensas dessa natureza. Só que por parte de alguns torcedores do próprio Santos.

Em um grupo de torcedores do Peixe no Facebook, comentários racistas miram o jogador, que entrou com um processo contra o Santos por conta de salários atrasados. “Aranha, seu macaco. Sempre tive vontade de xingar”, “Chamar o Aranha de macaco é ofender o pobre macaco!” e “Já era, Aranha, preto safado. E sem mimimi” são algumas das mensagens, que não foram enviadas diretamente ao goleiro.

No mesmo fórum, outros torcedores condenaram os xingamentos. “Racismo é imperdoável. Chamar de macaco e fazer montagens de cunho racista não dá. Um erro não justifica o outro”, postou um dos membros.

Em audiência realizada na última quarta-feira, Santos e Aranha não chegaram a um acordo na ação movida pelo goleiro, que pede para deixar o clube alegando não ter recebido quatro meses de salários, direitos de imagem atrasados, além de férias e fundo de garantia.
O time da Vila Belmiro propôs liberá-lo de seu contrato que vai até dezembro, desde que recebesse R$ 1 milhão de seu futuro clube.

No entanto, o goleiro não aceitou, mas nem por isso conseguiu ficar livre de seu vínculo. O pedido de liminar do atleta foi negado e ele terá de esperar audiência no dia 30 de janeiro, mesma data do julgamento do caso do volante Arouca.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Camionete que seguia para Campo Grande com mais de uma tonelada de maconha foi recuperada pelo DOF
ECONOMIA
Micro e pequenas empresas podem pagar Simples com Pix
MEIO AMBIENTE
PMA realiza orientação em 61 propriedades rurais em prevenção aos incêndios
ECONOMIA
Prazo para contestar auxílio emergencial negado no dia 10 acaba hoje