Menu
Busca segunda, 02 de agosto de 2021

Breno se defende de suspeita sobre incêndio intencional em sua própria casa

23 setembro 2011 - 18h00
Breno se defende de suspeita sobre incêndio intencional em sua própria casa

Uol

Breno, zagueiro do Bayern de Munique, se defendeu sobre as especulações na Alemanha que apontam que ele teria provocado intencionalmente um incêndio em sua própria casa. Um tribunal de Munique anunciou nesta sexta-feira que abriu investigações contra o brasileiro. O ex-jogador do São Paulo será chamado pela polícia para dar explicações sobre o caso.

Em comunicado, Breno afirma que “são infundadas as suspeitas sobre a autoria do incêndio que destruiu sua casa na Alemanha”. O promotor Thomaz Steinkraus-Koch comentou que existe a suspeita de que o fogo tenha começado de maneira intencional e não por acidente, versão contada pelo atleta. Ele se diz à disposição das autoridades alemãs.

O zagueiro se recupera do incidente e, em breve, retomará sua atividade normalmente. Breno também exaltou as manifestações de carinho dos fãs do Bayern, dos colegas e da diretoria do clube.

O laudo do corpo de bombeiros determinou que o fogo começou em um quarto de hóspedes, no sótão da residência. "Com certeza vamos confrontar Breno com novos fatos para que ele tenha a possibilidade de se defender e dar a sua versão. Quero deixar claro, entretanto, que ao mesmo tempo, continuamos trabalhando com a hipótese de um acidente", disse Steinkraus-Koch.

O zagueiro de 21 anos, que está afastado dos gramados por conta de uma lesão, estava sozinho em casa na hora do incidente, por volta da 1h da manhã (horário local). Os bombeiros conseguiram salvar o jogador e seus animais de estimação. Logo em seguida ele foi levado para o hospital por ter inalado muita fumaça. O fogo destruiu a casa completamente, causando um prejuízo estimado em um milhão de euros, mas foi controlado antes que atingisse as casas vizinhas.

O jornal alemão Bild publicou recentemente fotos de Breno e sua família procurando uma nova residência em Munique, mas nesta sexta-feira, a imprensa do país noticiou que o jogador procurou um médico no renomado Instituto Psiquiátrico Max-Plach. O Bayern também confirmou a outro jornal local, o Muenchner Merkur, que aconselhou o atleta a procurar ajuda psicológica.

O especialista do Campeonato Alemão Gerd Wenzel falou sobre o caso, ao Globoesporte.com, e ressaltou o suporte que o clube presta a Breno: "O Bayern desde o início deu todo o apoio ao Breno e à família. Já providenciou um novo apartamento mobiliado para que eles possam ficar... O Bayern dá todo seu apoio até por meio de seu departamento jurídico".

Deixe seu Comentário

Leia Também

INVESTIGAÇÃO EM SP
Homem leva menina de 15 anos ao hospital e diz que ela morreu após sexo; polícia investiga
ECONOMIA
Impostômetro atinge a marca de R$ 1,5 trilhão
Esse é o montante pago em tributos federais, estaduais e municipais
EDUCAÇÃO
Volta às aulas: especialistas explicam em 10 pontos como fazer um retorno mais seguro
ESPORTES
Bronze olímpico nos 50 m livre coroa regularidade de Bruno Fratus