sábado, 13 de julho de 2024
Brasil&Mundo

Comentarista do UFC se desculpa com José Aldo por insinuar doping

19 dezembro 2015 - 06h53Por Fonte: correiodoestado
Os comentários de Joe Rogan sobre a diferença do corpo de José Aldo entre as primeiras lutas da carreira e o confronto contra Conor McGregor no UFC 194, em Las Vegas, nos EUA, gerou polêmica e revolta de muitos fãs, especialmente os brasileiros. As palavras geraram resposta imediata de Dedé Pederneiras, treinador do ex-campeão dos penas, o que fez com que o comentarista oficial do Ultimate pedisse desculpas publicamente por qualquer mal-entendido.

Através de seu perfil oficial do Instagram, Rogan postou uma longa declaração, destacou o respeito e admiração por José Aldo - quem inclui na lista dos lutadores favoritos de todos os tempos - e explicou que os comentários não deveriam ter sido divulgados publicamente.
Confira o depoimento de Joe Rogan na íntegra:

“Vazou um áudio de dentro do caminhão de produção do UFC logo antes da luta de sábado, que eu disse que o corpo de José Aldo parecia mais fraco e flácido, e que não queria tirar nenhuma conclusão e isso poderia ser apenas fruto de muito cardio. Disse também que ele parecia nervoso. Não preciso dizer que isso causou muita controvérsia.

Desde então as pessoas estão postando fotos do Aldo recentemente e em suas últimas lutas, e ele está bem semelhante. Minhas desculpas por estar errado com José Aldo e seu treinador, André Pederneiras. Eu não tenho nada a mais que admiração e respeito pelos dois.

Isso não deveria ter sido uma conversa pública, eu estava falando com um amigo produtor na privacidade do caminhão. Como você pode ver nas fotos do início de sua carreira, seu corpo está diferente de sábado à noite. Existem várias razões para isso, uma delas é que na primeira foto ele está se movendo, e outra é que tinha problema de resistência nos últimos rounds de suas lutas e poderia ter se abaixado.

Outra coisa que deixou alguns contrariados foi que eu não queria uma revanche imediata, isso por pensar que Conor deveria enfrentar Frankie Edgar. Minhas razões para isso são que eu penso que o estilo faz de Frankie um bom adversário para Conor. Acho também que quando alguém sofre um nocaute brutal deve ter mais tempo para se recuperar. Não sou promotor e não vou decidir quem luta com quem ou quando, e sou grato por isso. O que eu sou é alguém que respeita e se importa demais com os lutadores e a saúde deles. Muitas vezes vi lutadores voltando muito cedo após nocautes e vi que eles não estavam prontos para absorver golpes novamente.

Aldo está na minha pequena lista de lutadores favoritos de todos os tempos, junto com Wanderlei Silva, Anderson Silva, Georges St-Pierre, Mighty Mouse e Fedor.
Eu adoraria ver Aldo voltar motivado para a revanche e louco para recuperar seu título. Antes, porém, gostaria de vê-lo descansar e se recuperar.
Novamente, minhas desculpas a Jose Aldo e André Pederneiras, e a qualquer um que tenha se ofendido com minhas opiniões."

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE

Vacina nacional contra covid está em fase avançada, diz ministra

JUSTIÇA

Entidades repudiam monitoramento ilegal de jornalistas

ESPORTES

MS abre Paralimpíadas Escolares com foco na inclusão e no poder do esporte em transformar vidas

TEMPO

Tempo estável encerra a semana com sol e variação de nebulosidade em Mato Grosso do Sul