Menu
Busca terça, 11 de maio de 2021

Médicos em greve protestam contra sobrecarga de trabalho

Médicos em greve protestam contra sobrecarga de trabalho

06 dezembro 2012 - 15h00
G1



Médicos da saúde pública de Cuiabá fizeram uma manifestação na manhã desta quinta-feira (6) na Praça Alencastro, centro da capital. De acordo com o sindicato da categoria em Mato Grosso, eles querem chamar mobilizar a população sobre os problemas na saúde da cidade.

Durante o ato, foi oferecido atendimento médico gratuito para quem passava pelo local. A greve dos médicos em Cuiabá já dura 45 dias. No Pronto-Socorro da capital e nas policlínicas o atendimento está normalizado. Já nas unidades de saúde básica, o atendimento segue em 30%.

Desde outubro deste ano, quase 700 médicos da rede pública de saúde entraram em greve por tempo indeterminado. O Comando de Greve informou que os atendimentos nos serviços públicos de urgência e emergência não serão prejudicados. No final da tarde desta quarta-feira, os profissionais protestaram em frente ao Pronto Socorro da capital.

A categoria reivindica melhorias nas condições de trabalho, seguranças nas unidades de saúde, pagamento de benefícios que está atrasado há três meses e a realização de mutirões para diminuir a sobrecarga dos atendimentos nas unidades. Eles também são contrários à implantação das Organizações Sociais da Saúde na gestão das unidades públicas. A categoria disse que uma decisão judicial proferida há quase quatro meses determinou o cumprimento de todas as reivindicações. No entanto, até agora, nada foi colocado em prática.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Covid-19: estados pedem manutenção de financiamento de leitos de UTI
PONTA PORÃ
Após denúncia Polícia Militar apreende contrabando de cigarros em veículo
SAÚDE
EUA autorizam vacina da Pfizer para faixa etária de 12 a 15 anos
POLÍTICA
Guedes diz que reforma administrativa será moderada