Menu
Busca domingo, 17 de outubro de 2021

No terceiro dia de greve da PM, 17 pessoas foram assassinadas em Salvador

No terceiro dia de greve da PM, 17 pessoas foram assassinadas em Salvador

03 fevereiro 2012 - 16h10
Agencia Brasil

Na madrugada do terceiro dia da greve dos policiais militares da Bahia, a Secretaria de Segurança Pública da Bahia registrou o assassinato de 14 homens e três mulheres em Salvador e região metropolitana. Houve, ainda, duas tentativas de homicídio e o roubo de um carro. Os crimes ocorreram entre a meia-noite e as 7h da manhã de hoje (3).

Quatro corpos foram encontrados na Avenida Jorge Amado, no Bairro de Pituaçu. Os demais foram recolhidos em diversas localidades: Vila Canária, Bairro Sete de Abril, Engomadeira, Jaguaripe, Bom Juá, Ipitanga e Baixa do Fiscal.

Desde o início da greve dos policiais, na quarta-feira (1º), foram registrados 20 homicídios na capital baiana. Hoje, 2,6 mil militares da Força Nacional e de unidades das Forças Armadas são devem chegar a Salvador para garantir a segurança da população. Pela manhã, já havia 1,2 mil militares atuando. Há ainda a possibilidade de que mais 4 mil militares de tropas da 10ª Região Militar, em Fortaleza (CE), sejam acionados para reforçar a segurança na Bahia.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CULTURA
Festival da Literatura Indígena terá palestras, oficinas e música
ECONOMIA
Crescem reclamações sobre cobranças indevidas de crédito consignado
POLÍCIA
PMA de Dourados prende e autua dois pescadores por pesca e transporte de pescado ilegal
SAÚDE
Linfoma de Hodgkin é um tipo de câncer raro e que tem cura
Tratamento exige quimioterapia intravenosa