Menu
Busca terça, 20 de abril de 2021

ONS confirma importação de energia da Argentina

ONS confirma importação de energia da Argentina

22 janeiro 2015 - 09h30Por Agência Brasil
O Brasil importou energia da Argentina ontem (20) para contribuir no atendimento do Sistema Interligado Nacional. Segundo o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), foram importados 165 megawatts (MW), o que corresponde a 0,22% da carga verificada durante o dia (74.094 MW). Segundo a assessoria do ONS, trata-se de um procedimento “normal e corriqueiro”.

O acordo entre o ONS e a Compania Administradora del Mercado Mayorista Eletrico (Cammesa), da Argentina, foi assinado em janeiro de 2006, para permitir importações de energia entre os dois países em caso de situações especiais. A energia trocada deve ser compensada em função de acerto direto entre os dois operadores. Segundo o ONS, o intercâmbio de energia nos dois sentidos vem sendo adotado em diversos momentos ao longo da vigência do acordo.

O intercâmbio internacional de energia da Argentina para o Brasil foi feito a pedido do ONS e ocorreu das 10h23 às 12h e das 13h às 17h02.

Na última segunda-feira (19), um corte preventivo de energia determinado pelo ONS causou a interrupção no fornecimento de energia em parte das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste. Segundo o órgão, o problema foi causado por restrições na transferência de energia das regiões Norte e Nordeste para o Sudeste, aliadas à elevação da demanda no horário de pico. O governo anunciou medidas para acrescentar 1,5 mil megawatts ao sistema elétrico do país.

A energia importada deve ser compensada com devolução em igual montante, não havendo transação financeira, destaca o boletim Acompanhamento Mensal dos Intercâmbios Internacionais, de dezembro de 2014, do ONS. Nesse mês, não houve troca de energia entre o Brasil e os países vizinhos Argentina, Paraguai e Uruguai. O crédito emergencial acumulado a favor da Argentina alcançava, até dezembro do ano passado, 9.185,81 megawatts-hora (MWh).

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Novos leitos de UTI são disponibilizados na Capital, em Dourados e Três Lagoas
PONTA PORÃ
Veículo que seguia para Brasília com maconha foi apreendido pelo DOF
SAÚDE
Sancionada lei sobre remessa de patrimônio genético ao exterior
CORONAVÍRUS
MS participa de consórcio para compra de 28 milhões de doses de vacina contra Covid-19