Menu
Busca sábado, 23 de outubro de 2021

Procuradora morta em condomínio era ameaçada pelo ex

Procuradora morta em condomínio era ameaçada pelo ex

02 fevereiro 2012 - 16h40
G1

A procuradora federal assassinada em um condomínio de luxo em Nova Lima, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, registrou boletim de ocorrência por ameaça de morte e agressão verbal contra o ex-marido, segundo a Polícia Militar. O homem é suspeito do homicídio.

O boletim foi registrado no dia 24 de janeiro na 4ª Delegacia de Polícia Civil de Nova Lima. A procuradora Ana Alice Moreira de Melo, 35 anos, prestou queixa contra o ex-marido, de 49 anos. O casal estava em processo de separação conjugal, mas ainda dividia a mesma casa, segundo a Polícia Militar.

Ana Alice foi morta dentro de casa na madrugada desta quinta-feira (2). O crime aconteceu no condomínio Vila Alpina. A PM informou que o suspeito do crime chegou à casa da vítima e os dois começaram a discutir. Com medo da reação do homem, a babá pegou os dois filhos do casal, se trancou em um banheiro com as crianças e chamou a polícia. O homem agrediu a vítima com golpes de faca.

Policiais que estiveram na residência informaram que o corpo foi encontrado em um dos quartos e, após perícia realizada na casa, foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML). Ainda segundo a PM, o crime ocorreu porque ele não aceitava o fim do relacionamento. O suspeito fugiu e ainda não foi encontrado pela polícia.

Deixe seu Comentário

Leia Também

AÇÃO DE GOVERNO
Programa milionário para o esporte e investimentos para o setor elétrico ganham destaque
POLÍCIA
PMA de Batayporã autua jovem de 25 anos por maus-tratos a uma cadela Pit Bull
SAÚDE
Trabalho remoto foi mais recorrente para quem tinha curso superior
REGIÃO
PMA captura tamanduá-bandeira refugiado dentro de depósito em sítio depois de ser acuado por cães