Menu
Busca quarta, 14 de abril de 2021

Vida mais longa vai custar mais 79 dias de trabalho até a aposentadoria

Vida mais longa vai custar mais 79 dias de trabalho até a aposentadoria

02 dezembro 2014 - 12h00Por Agência Brasil
Com o aumento da expectativa de vida dos brasileiros, divulgado nesta segunda-feira (1º) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o número de dias de contribuição necessários para que o trabalhador possa se aposentar recebendo os valores praticados atualmente também aumentou. É que a expectativa é um dos elementos que causam impacto no fator previdenciário, usado para calcular o valor das aposentadorias por tempo de contribuição.

Além da expectativa de vida, o cálculo do fator considera ainda a alíquota de contribuição, a idade do trabalhador e o tempo de contribuição à Previdência Social. O novo fator incidirá sobre os benefícios requeridos a partir de hoje, de acordo com a lei.

Segundo a nova Tabela de Expectativas de Sobrevida e Fator Previdenciário 2000 – 2015, elaborada pelo Ministério da Previdência Social, um segurado com 55 anos de idade e 35 de contribuição que requerer a aposentadoria, a partir de hoje, vai ter que contribuir por mais 79 dias corridos para manter o valor de benefício que tinha como base a tabela anterior.

Como a expectativa de vida do brasileiro ao nascer aumentou 12,4 anos entre 1980 e 2013, segundo o IBGE, a tendência é que o tempo de contribuição, comparativamente aos anos anteriores, também continue a crescer.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
ANS: planos devem autorizar RT-PCR de forma imediata
ELDORADO
Polícia Civil esclarece homicídio e prende suspeito em flagrante
ECONOMIA
Economia abre consulta pública para debater nova Lei de Licitações
CRIME AMBIENTAL
PMA de Bonito apreende dois jacarés e um javali abatidos em leito de córrego no município