Menu
Busca segunda, 27 de setembro de 2021
CULTURA

Concurso que busca repensar o papel do MIS na sociedade já tem os finalistas

Participe escolhendo os vencedores

12 agosto 2021 - 10h00Por Portal Governo MS

O concurso “Repensar e reimaginar o MIS antes e pós-pandemia em imagens e sons” já tem os finalistas e você pode escolher os vencedores! São oito concorrentes e para escolher os seus preferidos basta acessar o Instagram do CineCafé para participar do processo de seleção!!! Mas atenção: é só até o dia 16 de agosto.

O concurso, realizado em parceria com o CineCafé, selecionou trabalhos diversos, entre fotografias, vídeos, músicas, áudios e/ou desenhos em especial storyboard com o tema “O futuro dos museus: recuperar e reimaginar”.

O tema foi escolhido com o objetivo de provocar a sociedade para as formas espontâneas de valorização dos bens culturais, buscando enfatizar essas manifestações e trazer à luz o debate sobre o futuro dos museus numa linguagem atual e interativa.

O objetivo do concurso é refletir criativamente e criticamente sobre a relevância do MIS para a sociedade sul mato-grossense e provocar na comunidade que frequenta o espaço, ou conhece as atividades do museu, inspiração para os desafios que se impõe ao museu no futuro, principalmente no que se refere aos avanços tecnológicos, acessibilidade e a relação do MIS com a sociedade.

Os oito finalistas são:

Felipe Lopes Siqueira, na categoria Vídeo, com a obra “Dedicada à Memória”. Videoarte experimental que questiona e brinca com a instituição da memória como produto de uma sociedade e do meio. Confeccionada na técnica de stopmotion em colagens de papel, conta também com narração e música inteiramente capturada e gravada no smartphone pelo autor.

Fernanda Fontoura Ribeiro Name, na categoria Fotografia, com a obra "Um olhar através dos tempos”. Igreja construída no século XIX, com mais de 200 anos de história, localizada em meio à uma floresta em Aquidauana – MS

Luciana Scanoni Gomes, na categoria Fotografia, com a obra "Antônia, uma grande ceramista terena”. Esse é um retrato de Antônia Júlio, uma grande ceramista terena e mãe de 7 filhos. Nesta fotografia ela tinha acabado de observar sua imagem, ainda jovem, no livro Do Índio ao Bugre (1976), de Roberto Cardoso de Oliveira. Essa obra é uma referência importante sobre os Terena e traz a imagem de dona Antônia com o filho no colo.

Carlos Andre Ramos Campanone, na categoria Música, com a obra "Meu tio”. Chamamé um ritmo qual temos a honra de a partir do dia 30/06/2021 ter se tornado bem imaterial do MS. A interpretação da obra foi feita pelo duo de contrabaixo e violão formado por Carlos Ramos e Gilson Nantes “ duo legado cultural”.

Andreza Caroline Pelizaro, na categoria Vídeo, com a obra "Amor - Liberte suas asas azuis". Duas aves típicas do bioma do Pantanal demonstrando como sobrevivem à extinção de suas espécies em uma cena de afeto, união e resistência.

Ana Paula Fischer Lage, na categoria Fotografia, com a obra "A sabedoria do futuro está em um museu". Colagem mixando diversos elementos que representam a importância de se preservar a memória e riqueza do patrimônio cultural, histórico e ambiental do Mato Grosso do Sul.

Marcos Caio Lopes Moro, na categoria Áudio, com a obra "Conexão”. Poesia reflexiva sobre o tempo e os museus.

Flávio Zancheta Faccioni, na categoria Áudio, com a obra "MIS: reflexão sobre a continuidade de nossa história, memória e identidade". “Imagens que iluminam nossa memória, para contar e relembrar nossa história”, canta José Boaventura em Rio dos Tuiuiús. O MIS resguarda em seus arquivos as imagens e os sons que possibilitam movimentar as lembranças vividas ou não. Experiências que, por meio dos registros audiovisuais, “Preserva[m] a memória, [para] educar o futuro”.

Os três primeiros colocados receberão, na sede do Museu da Imagem e do Som, 01 kit Cultural em data e horário organizado pelo Cine Café, com as devidas medidas de segurança necessárias em função da pandemia do Covid-19. Menores de idade deverão estar acompanhados dos pais ou responsáveis.

Para votar, escolha o seu preferido e dê uma curtida no Instagram do CineCafé: @cinecafe.ms

Mais informações podem ser obtidas no Museu da Imagem e do Som (MIS-MS) pelo telefone (67) 3316-9178, de segunda a sexta-feira das 7h30 às 17h30, ou pelo celular (67) 99935-8982. Se preferir, pode enviar e-mail para: cinecafe.comunicacao@gmail.com

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Campanha foca em conversa com família para aumentar doação de órgãos
OPERAÇÃO HÓRUS
PM do Vale do Ivinhema apreende mercadorias oriundas do Paraguai avaliadas em 800 mil reais
EDUCAÇÃO
Lei cria programa de fomento à alfabetização nas redes públicas de ensino
EDUCAÇÃO
Capes lança edital para projetos sobre impactos da pandemia