sexta, 23 de fevereiro de 2024

Deputado Paulo Côrrea vai coordenar PR em Ponta Porã e declara apoio a Ludimar

29 maio 2012 - 14h42
Jornal Regional

O processo sucessório municipal começa a afunilar e as definições e encaminhamentos começam a ganham contorno mais claro. Ontem, em entrevista ao radialista Tião Prado, Reginaldo Almeida, assessor de gabinete do deputado estadual Paulo Correa, vice-presidente regional do PR, declarou que a legenda em Ponta Porã dentro de um acordo pré-determinado pela bancada na Assembleia Legislativa, tem como coordenador em Ponta Porã o deputado Paulo Correa, que foi em 2010 o mais votado no município.

Reginaldo explicou que existe um acordo entre os parlamentares do PR que em cada município do Estado a legenda será coordenada pelo deputado mais votado no determinado município.


“Aqui em Ponta Porã o deputado Paulo Correa teve a maior votação, dentro de um amplo apoio liderado pelo vereador Ludimar Novais, hoje pré-candidato a prefeito e que conta com pleno e irrestrito apoio do deputado”, destacou. Reginaldo afirmou ao ser questionado pelo radialista, que a nomeação da atual comissão provisória foi um acordo firmado entre os deputados Paulo Correa e Edson Girotto, hoje no PMDB.


“Como os dois foram os mais votados pelo PR, um para estadual e outro federal, houve entendimento que naquele momento o deputado Girotto deveria efetuar a indicação, como ocorreu, mas em comum acordo com o deputado Paulo Correa. Hoje, o Girotto não está mais no PR, migrou para o PMDB, portanto a indicação da direção partidária está nas mãos do deputado Paulo Correa”, frisou o assessor parlamentar.


Ele reiterou que falava com aval e anuência do deputado. “O que estou dizendo aqui seria o que o próprio deputado falaria”, disse, explicando que Correa deveria ter participado da reunião no sábado passado pelo Bloco de Renovação Democrática (BRD), encabeçado pelo PR mas devido a compromissos assumidos há mais de 120 dias, não pode estar presente ao evento político. “Mas aqui em Ponta Porã ele apóia o Ludimar para prefeito”, enfatizou.


Reginaldo Almeida destacou ainda que o PR é dirigido em Ponta Porã por uma comissão provisória, portanto, apta a ocorrência de mudanças a qualquer momento. “Acredito que ainda nesta semana deve haver reunião para definir algo”, destacou enfatizando que poderia haver mudanças no comando local da sigla.


“Hoje o PR tem um pré-candidato a prefeito. Não um candidato definido, mesmo porque não é permitido pela lei eleitoral. Portanto, o PR pode sim engrossar o projeto do vereador Ludimar Novais”, destacou.

Deixe seu Comentário

Leia Também

GERAL

Correios distribuirão provas do Concurso Unificado

ECONOMIA

Vendas do Tesouro Direto sobem 13% em janeiro

INFRAESTRUTURA

Governo de MS mantém ações voltadas ao desenvolvimento de Ponta Porã

SAÚDE

Grupo vai subsidiar políticas de enfrentamento de mortes no trabalho