sexta, 23 de fevereiro de 2024

Em troca da vice, PT e PDT podem reforçar bloco de oposição em Ponta Porã

Em troca da vice, PT e PDT podem reforçar bloco de oposição em Ponta Porã

28 maio 2012 - 15h50
Divulgação


Na presença de pelo menos 500 pessoas, PT e PDT abriram as negociações para aderir ao Bloco da Renovação Democrática (BRD) e apoiar a pré-candidatura do vereador Ludimar Novais (PPS) a prefeito de Ponta Porã, quinto maior colégio eleitoral do Estado. A possibilidade depende da participação dos partidos na chapa majoritária e na administração do município.

“Queremos ajudar a ganhar a eleição e ajudar a governar”, disse o ex-governador Zeca do PT, um dos representantes do partido no ato de lançamento da pré-candidatura de Novais, realizado na noite de ontem (26), no município. Segundo o petista, a participação do PDT, PSD e PT na chapa representa 15 mil votos ao vereador.

Cotado, a princípio, para ocupar a vaga de vice, o presidente municipal do PSD, Caio Augusto, aceita participar de pesquisa para definir o nome que mais somará à chapa majoritária. A sinalização fortalece o projeto de PT e PDT aderirem ao bloco, garantindo maior densidade eleitoral à pré-candidatura de Novais.

Empolgado com a adesão de mais siglas ao projeto do PPS, Novaes, além de defender seriedade na política, prometeu empenho para reforçar seu arco de aliança. “Trabalharei até o último momento para conquistar o maior número de pessoas e partidos políticos que assumam comigo o compromisso de realmente mudar e transformar Ponta Porã, conforme é o desejo de nossa gente”, disse.

Hoje, o PT apresenta Sonia Cintas como pré-candidata à prefeita. “O diretório municipal do partido é favorável à possibilidade de abrir mão da candidatura própria para fortalecer o projeto da oposição e promover renovação administrativa em Ponta Porã”, ressaltou Zeca.

(Com assessoria PSD)

Deixe seu Comentário

Leia Também

EDUCAÇÃO

Com 4,1 milhões de matrículas, Brasil avança na meta para creches

ECONOMIA

Arrecadação federal chega a R$ 280,63 bilhões em janeiro

GERAL

Governo regulamenta certificação de comunidades terapêuticas

ECONOMIA

Receita abre consulta a lote residual do Imposto de Renda