Menu
Busca quarta, 21 de abril de 2021
Ponta Porã

Hoje é “Dia D” contra a poliomielite e sarampo

Secretaria Municipal de Saúde preparou todas as unidades de saúde para campanha de vacinação que prossegue neste sábado

22 novembro 2014 - 07h00Por Assessoria

O Governo do prefeito Ludimar Novais (PPS), realiza neste sábado, dia 22, campanha de vacinação contra a poliomielite e sarampo. Todas as unidades básicas de saúde do município foram preparadas e estão com as doses disponibilizadas para a população, buscando atingir a meta que é de vacinar mais de 13 mil crianças neste mês em Ponta Porã. As crianças que foram vacinadas no primeiro “Dia D” no último dia 8 estão dispensadas da vacinação neste sábado.

“Estamos com os postos preparados e a nossa equipe pronta para atender todas as crianças neste sábado, dia 22”, disse a gerente de Vigilância em Saúde, Marina Derzi, que conta com o apoio da coordenadora de Vigilância Epidemiológica, Sonaira Soares; do coordenador municipal de imunização, Robson Pedroso; da enfermeira Suzana Brostrup e de toda a equipe de servidores da Secretaria Municipal de Saúde.

Marina Derzi disse que o Governo Municipal disponibilizou camisetas para os servidores que estarão todos identificados. “Todas as nossas unidades de saúde estarão atendendo neste sábado, além disso, também será montado um posto de vacinação na Praça Lício Borralho, situada na rua Marechal Floriano, centro da cidade, como forma de facilitar o acesso das pessoas. O importante é que os pais se sensibilizem da importância da vacina e levem seus filhos.

Serão disponibilizadas doses de vacina contra poliomielite que visa vacinar 7.076 crianças com idade de 6 meses até 5 anos incompletos e 6.142 doses contra sarampo, para atender as crianças de 1 a 5 anos de idade. As outras vacinas também estarão disponíveis, oportunidade para os pais colocarem em dia a carteira de vacinação das crianças. “Em todos os postos as crianças serão brindadas com surpresas preparadas pelas equipes da saúde. A campanha começa às 8h e termina às 17h. A vacinação prossegue depois nas unidades básicas de saúde até o dia 28 de novembro.

Poliomielite

A poliomielite é uma doença infectocontagiosa grave causada pelo poliovírus e a infecção se dá, principalmente, por via oral. Na maioria dos casos, a criança não vai a óbito quando infectada, mas adquire sérias lesões que afetam o sistema nervoso, provocando paralisia irreversível, principalmente nos membros inferiores. O Brasil está livre da poliomielite desde 1990. Desde então não houveram novos casos registrados. Em 1994, o País recebeu da Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS) a Certificação de Área Livre de Circulação do Poliovírus Selvagem em seu território. A continuidade das campanhas de vacinação é fundamental para evitar a reintrodução da doença no País.

Sarampo

O sarampo é uma doença viral aguda grave e altamente contagiosa. Os sintomas mais comuns são febre alta, tosse, manchas avermelhadas, coriza e conjuntivite. A transmissão ocorre de pessoa a pessoa, por meio de secreções expelidas pelo doente ao tossir, falar ou respirar. Os últimos casos de contágio autóctone de sarampo no Brasil ocorreram em 2000 e, desde então, os casos registrados foram importados ou relacionados à importação. Em 2013 e 2014, foram registrados casos importados no país, com concentração em Pernambuco e Ceará.

Deixe seu Comentário

Leia Também

OPORTUNIDADE
Telessaúde credencia profissionais de Web Designer com remuneração de R$ 3 mil
MS
Beneficiários do Mais Social terão que participar de curso profissionalizante
EDUCAÇÃO
Matrícula para curso de medicina da UEMS pode ser feita até dia 26 de abril
PONTA PORÃ
Força Tática do 4º BPM intercepta comboio de veículos transportando mercadorias não legalizadas