Menu
Busca terça, 15 de junho de 2021

Parque dos Ervais: para Kayatt e André, uma obra emblemática

Parque dos Ervais: para Kayatt e André, uma obra emblemática

19 maio 2012 - 13h31
Divulgação (TP)

O prefeito de Ponta Porã, Flávio Kayatt, e o governador André Puccinelli, visitaram o canteiro de obras do Parque dos Ervais. A visita foi realizada na manhã de sexta-feira. André esteve na cidade para assinar convênio repassando cerca de R$ 2,2 milhões para o Anel Viário e também entregar prêmios a mais de 700 alunos das escolas estaduais.

O Parque dos Ervais é uma obra que está sendo construída em parceria do Governo do Estado com a Prefeitura. O Município adquiriu a área de 7 hectares junto ao governo federal e a repassou ao Estado, para que a obra fosse realizada.

Tanto Kayatt quanto André, consideram o Parque dos Ervais uma obra emblemática: “nossa população sempre nos pediu um complexo de lazer, esporte e cultura. Esta obra vem atender os desejos e anseios da população de Ponta Porã”, declarou Kayatt. “Será o parque mais bonito de todo o Mato Grosso do Sul”, afirmou o Governador Puccinelli, destacando a importância da obra para a cidade de Ponta Porã.

O Parque dos Ervais consiste numa das obras mais importantes da história de Ponta Porã e deverá ser concluída em 2012, ano em que o município comemora 100 anos de emancipação político-administrativa. A construção está localizada na esquina da Avenida Brasil com a Rua Comandante Cardoso.

Depois de construído, o Parque será transformado no principal ponto para a prática de esportes e lazer para a população residente na região de fronteira com o Paraguai. A obra vai ocupar uma área de sete hectares adquirida pela Prefeitura de Ponta Porã junto ao Ministério do Exército.

No local estão sendo construídos campos de futebol, pista para caminhada, rapel, teatro de arena, lagos, praças e quadras poliesportivas. No local também deverá ser construído um museu contando a história da fronteira e do ciclo da erva mate que ajudou no desenvolvimento econômico e social de Ponta Porã.

O Parque será destinado a pessoas de todas as faixas etárias para praticarem esportes, inclusive alguns radicais como rapel. Os visitantes também poderão fazer caminhadas ecológicas e recreação.

De acordo com o projeto arquitetônico, o primeiro complexo esportivo e cultural de Ponta Porã terá espaço para teatro de arena; amplo estacionamento; quadras poliesportivas e de vôlei de areia; campo de futebol society com grama sintética; bancos e mesas de jogos; equipamentos de ginástica. Uma trilha ecológica que vai aproveitar de maneira inteligente a estrutura do bosque natural já existente no local. Outro atrativo será a Praça das Águas com construção de lagos e fonte luminosa

Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA
Trabalhadores nascidos em outubro podem sacar auxílio emergencial
CAMPO GRANDE
Policiais civis prendem trio suspeito de tráfico
SAÚDE
Covid-19: 82% dos indígenas receberam 1ª dose, diz Ministério da Saúde
TEMPO
Terça-feira de sol, temperaturas em elevação e umidade do ar em queda